sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Famosos Ansiosos - parte 2


ANGÉLICA
Angélica contou em entrevista à revista Joyce Pascowitch que teve um princípio de Síndrome do Pânico depois que deixou seu programa infantil. "Minha vida foi um reality show por muito tempo. Lá pelos meus 23 anos, dei uma pirada, tipo adolescência tardia. Aí, fui fazer análise e procurar entender aquilo tudo. Quis ser uma pessoa normal, namorar, ir para a balada. Foi um período difícil, mas que passou e eu saí muito melhor dele".

BIANCA BIN
A atriz, que atualmente vive a ambiciosa Carolina no remake de Guerra dos Sexos, teve "indícios" de Síndrome do Pânico durante suas férias. Apesar de ter iniciado um tratamento, o que realmente resolveu o problema, segundo ela, foi voltar a atuar. "Tudo isso passou. Foi incrível. O trabalho me faz sentir ativa e com saúde. É o meu eixo. Quando não tem, me sinto desestabilizada", contou ao site O Fuxico.


MARIA RITA
A cantora revelou que teve Síndrome do Pânico em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo. Ela atribuiu a doença ao estresse provocado pela necessidade de controlar tudo em sua carreira. "Travei o corpo inteiro e  achei que fosse morrer, não conseguia respirar". Maria Rita contou ainda que faz terapia e busca a espiritualidade para deixar de ser uma pessoa difícil.


RENNER (da dupla sertaneja Rick & Renner)
Em entrevista exclusiva à BAND, no ano de 2011, Renner contou que estava com Síndrome do Pânico e que encontrava-se internado numa clínica de reabilitação de Brasília (DF), fazendo tratamento à base de remédios e exercícios físicos. Segundo o cantor, os primeiros sintomas da doença apareceram quatro anos antes, porém agravaram-se quando houve a separação definitiva do ex-parceiro Rick, em dezembro de 2010. “Uma separação, depois de 25 anos juntos, é sempre difícil, e deixa o seu legado”, afirmou.

Veja também: Famosos Ansiosos e Famosos Ansiosos - parte 3

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por deixar seu comentário no Sem Transtorno! Não deixe de curtir a nossa página no facebook.com/semtranstorno.