sexta-feira, 19 de outubro de 2007

Dicas para combater a ansiedade

Ontem fui almoçar com três colegas do trabalho e fizemos uma triste constatação: numa mesa com quatro pessoas, três estão se tratando da Síndrome do Pânico. Curiosamente, três mulheres.

E pelo visto isso vai ser bastante comum daqui pra frente. De acordo com um texto que eu li no site Terra, o pânico e a depressão (que aliás costumam caminhar juntos) vão ser os males do século XXI. Não sei se chega a isso tudo, mas certamente vai vir uma avalanche de novos casos por aí.
As dicas a seguir foram retiradas de um texto enviado pelo Fernando Mineiro, do GruPan. Vale a pena ler.

bjo.



DICAS PARA COMBATER A ANSIEDADE


Introdução:
Ansiedade e medo são emoções tão corriqueiras que o dicionário está repleto de sinônimos para elas. A principal diferença entre medo e ansiedade é que o primeiro ocorre como uma resposta a um perigo real, enquanto a segunda ocorre sem que qualquer tipo de perigo objetivo esteja presente.

A ansiedade é um estado emocional parecido com o medo, porém dirigido para o futuro, desproporcional (a uma ameaça reconhecível) e que traz intenso desconforto físico.
A ansiedade pode manifestar-se de várias maneiras: em forma de ataques de pânico, de fobias (medos específicos de altura, avião, situações sociais, etc), como conseqüência de uma experiência traumática (assaltos, acidentes, etc) e de maneira generalizada (quando os sintomas persistem constantes ao longo do tempo). Em todos estes casos é possível lidar com a ansiedade utilizando técnicas psicológicas e/ou tratamentos farmacológicos adequados. Além desses recursos, alguns procedimentos simples têm-se mostrado eficazes e serão descritos a seguir.


1) Aprenda a relaxar. As técnicas de relaxamento são úteis em relação a todos os sintomas ansiosos. Uma maneira prática de fazer isso: feche os olhos e percorra toda musculatura do corpo, contraindo-a e relaxando-a em seguida. Comece pelo pé e vá passando gradativamente para as outras partes até chegar à cabeça. Isso pode ser feito na posição sentada ou deitada. Fique atento à sua respiração.

2) Respirar é algo tão automático na nossa existência que poucos imaginam o quanto este ato tão simples está relacionado à ansiedade. A respiração ansiosa é curta, concentra-se no peito. Por isso, mesmo no decorrer de uma crise de ansiedade, é necessário que se procure uma respiração completa e profunda. Para isso, inspire o ar até que a barriga fique cheia como um balão de ar. Depois, expire lentamente até sentir se totalmente "vazio". Repita o procedimento quantas vezes forem necessárias.

3) Praticar esportes ou simplesmente caminhar são recursos úteis na diminuição da ansiedade e do estresse. Tente praticar algum esporte pela manhã. Faça isso sempre que possível mas não exagere. O exercício compulsivo pode ter o efeito inverso.

4) Evite café, cigarro, bebidas do tipo cola e outros estimulantes. Estas substâncias aumentam a ansiedade e desencadeiam ataques de pânico. Entretanto, o momento em que se inicia um tratamento para ansiedade não é o melhor momento para parar de fumar. A parada brusca do cigarro leva aos sintomas de abstinência que piorarão a sua ansiedade.

5) Se você tiver interesse em técnicas de meditação, saiba que lhe serão extremamente úteis no controle da ansiedade. A meditação, seja ela Zen-Budista, Yoga ou religiosa, orienta a experiência do momento presente, trabalha a respiração e facilita o contato consigo mesmo.

6) As pessoas ansiosas costumam ter pensamentos catastróficos a respeito de toda e qualquer situação. Observe seus pensamentos e, se lhe parecerem excessivamente catastróficos, anote-os e procure uma interpretação mais realista da situação.

7) Se sua ansiedade tiver começado após a vivência de uma situação traumática como assalto, estupro, etc., você deve procurar ajuda para enfrentá-la. Neste caso, evitar as situações relacionadas à experiência traumáticas também só piorará sua ansiedade e limitará sua vida.

8) Se a ansiedade é fóbica, ou seja, medo de um objeto ou situação que o obriga a evitá-la e acaba por limitar sua vida, é importante lembrar que o único meio de lidar com o problema é enfrentando-o. Evitar uma situação temida só colabora para que a ansiedade em relação a ela seja cada vez maior. Se, aos poucos, enfrentamos estes "fantasmas" e nos reconhecemos capazes de lidar com eles (respirando fundo, por exemplo), o medo diminui e nos sentimos mais seguros. O que tecnicamente é conhecido como "terapia de exposição" consiste no planejamento desta aproximação à situação temida e a ansiedade associada a ela.

9) Se a ansiedade é imensa e desencadeia ataques de pânico, não se apavore. O ataque de pânico é uma reação fisiológica que, por mais terrível que seja, vai embora num tempo determinado. Se você enfrentar o ataque de pânico, ou seja, apenas esperar que ele acabe, verá que seu tempo de duração não é tão longo quanto se imaginava. Respirar e relaxar são recursos que ajudam a suportar estes minutos tão difíceis. Não acredite que evitando as situações onde você imagina que terá um ataque de pânico vai ajudá-lo a livrar-se dele. O melhor a fazer é dar-lhe a devida proporção: é "apenas" uma descarga de adrenalina que não mata, nem deixa seqüelas e dura poucos minutos.

10) Quando a ansiedade aumenta em situações sociais, a melhor maneira de lidar com ela também é enfrentá-la. Não deixe de estar com pessoas por medo de uma crise de ansiedade. Nestas situações, é possível utilizar outros recursos apropriados:


  • procure prestar atenção nas pessoas à sua volta. Tire o foco de si mesmo e pare de criticar-se. As demais pessoas podem ser interessantes e certamente também estão vulneráveis a críticas.

  • se perceber que está ruborizado, suando ou tremendo, lembre-se de que estes sinais são mais perceptíveis para você do que para os demais. Além disso, ficar ansioso não é sinal de fraqueza e não precisa se envergonhar disso. Assim como ataques de pânico, em poucos minutos estas sensações mais intensas cedem e desaparecem.

  • aprenda a colocar sua opinião sempre que tiver algo a dizer. Participe. Falar em público e expor suas idéias é uma questão de treino.Quando a ansiedade for demasiadamente intensa e as orientações descritas forem insuficientes para ajudá-lo, é indicado o tratamento farmacológico e/ou psicoterápico. Muitas vezes, é necessário iniciar o tratamento de sua ansiedade com medicações que diminuam as crises mais intensas e lhe permitam maior estabilidade para realização de uma psicoterapia ou para utilização das orientações apresentadas aqui.

365 comentários:

  1. parabéns pela iniciativa, muito bom seu blog. parabéns!

    ResponderExcluir
  2. obrigado pelas dicas.é sem duvida uma preciosa ajuda para nos conhecermos melhor...

    ResponderExcluir
  3. Ola! No começo achava que esse transtorno causasse algo irreversível tanto psicologicamente como fisicamente e graças a Deus nao.. enfim é sempre muito bom pessoas preocupadas com o próximo dividir expereiências 'emuito bom talvez se todos agissem assim o mundo seria mais fácil e essa tal de TP (que quando estou livre dela digo brincando que é viadagem)talvez nem existiria!!! Ela é chatinha mesmo porem pense no lado bom de que logo passa e com fé em Deus uma hora ela desaparece..Rs..
    abs e obrigado pela ajuda!

    ResponderExcluir
  4. Pessoal, muito obrigada pelos comentários!
    Igor, adorei a sua "viadagem"! Antes fosse, né?? ;)
    Mas é isso aí, vamos com fé que uma hora ela nos deixa em paz!!!
    Obrigada a vc!

    ResponderExcluir
  5. É legal quando dão nomes para nossas viadagens, né? xD

    Mas realmente, TP, TAG, Stress... é mesmo uma baita viadagem, cara. xD

    Calma, calma, é brincadeira.
    Eu sou super ansioso. Antes achava que tava no poço do fundo, mas depois de aprender que issot ambém faz parte da ansiedade, tenho vivido bem melhor.
    Agora faço tratamento, e gostaria de dizer que grande parte dos mitos relaciionados ao tratamento de problemas emocionais não passam disso: mitos!
    Vício em antidepressivos, morte súbita e coisas do tipo não fazem parte do quadro de ansiedade não. Mesmo quando se trata de uma ansiedade clínica, ela continua sendo uma reação normal do organismo, essa viadagem... e seria estranho termos um organismo suicida, não?
    Portanto, deixem de ouvir leigos e pessoas que já estão desesperadas por causa do problema, e conversem com um médico/psicólogo. Vai te ajudar pacas. :D

    Abraços! o/

    ResponderExcluir
  6. Era bom que ouvesse muita gente a prestar estes asclarecimentos a todo o mundo tal como o autor que escreveu este texto em cima!!!
    Neste momento tambem estou a passar por uma fase de alguma ansiedade e ao ler este texto relaxei um pouco e ajudou-me a pensar um pouco mais positivo!!! O melhor é mesmo viver um dia de cada vez sem pensar muito no futuro!! Obrigado!!!

    ResponderExcluir
  7. Era bom que ouvesse muita gente a prestar estes asclarecimentos a todo o mundo tal como o autor que escreveu este texto em cima!!!
    Neste momento tambem estou a passar por uma fase de alguma ansiedade e ao ler este texto relaxei um pouco e ajudou-me a pensar um pouco mais positivo!!! O melhor é mesmo viver um dia de cada vez sem pensar muito no futuro!! Obrigado!!!

    ResponderExcluir
  8. oi sou rosi tenho 28 anos de idade,tive sindrome do panico por quase 1 ano sem saber.
    mas graças a deus consegui a superar .as vezes tenho racaidas ,mas ñ são como aquelas q sofri.
    o q sofro mais é os pensamentos negativos de q nunca vai dar nada certo pra mim.
    e sempre tenho medo do amanhã sofro com isso diaramente mas to sabendo a viver com isso com ajudar de deus .
    um grande abraço a todos..

    ResponderExcluir
  9. oi comecei ter ansieade a algum tempo acho que estou conseguindo me controlar vou fazer alguns tratamentos para relaxar valeu pela dica obrigada...

    ResponderExcluir
  10. Maravilhosa as dicas e explicações sobre ansiedade! muito obrigado!
    convivo com isso há alguns anos...e sei o quanto é difícil lidar com isso...
    pelo menos tira um pouco o misticismo de que ansiedade e doenças relacionadas a ela são "frescura"...

    mais uma vez obrigado!

    ResponderExcluir
  11. Olá, meu nome é José e sou bastante ansioso. Essa ansiedade já me prejudicou muito. Antigamente, bastava eu saber que tinha que ir para algum lugar que eu começava a ficar com vontade de ir no banheiro. As vezes ainda acontece, mas consegui diminuir em 99%. Muito obrigado pelo texto. Excelente.

    ResponderExcluir
  12. Nossa, demais, vai me ajudar e muito, sempre fui muito ansiosa," se perceber que está ruborizado, suando ou tremendo(...)" Nossa sou bem assim, toda vez que alguém chega perto de mim, começo a suar!, fico nervosa, e vou pra casa. É constrangedor*, principalmente quando eu namorava, meu namorado ficava enxarcado de suor.(detalhe: meu suor vem das mãos! *-*) , Já fui ao médico, isso não é doença, disse que sou muito ansiosa, e com o tempo isso passava. Não explicou nada, mas eu acabei entendendo. Vou tentar seguir os conselhos do blog ;D . Obrigada. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. sofro de ansiedade á alguns meses...é bom saber q nao sou a unica e q isto nao é nenhuma coisa grave, e q posso ultrapassar isto. obrigado pelo post

    ResponderExcluir
  14. Pessoal, muito obrigada pelos comentários. Isso só me estimula a continuar postando!
    Valeu mesmo!!! :)

    ResponderExcluir
  15. Olha gostei muito, só peço que coloque mais dicas de combater a ansiedade...tenho muito medo de dirigem, tão carro com moto,e preciso, como acaba com isso? Parabéns á vocês, pois ajudam muitas pessoas.

    ResponderExcluir
  16. Muito obrigada pelas dicas postadas,realmente tentar relaxar e ter pensamentos positivos ajudam muito a diminuir a ansiedade,descobri que sofro de SP(síndrome do pânico)a pouco tempo e só quem sofre entende o quanto é ruim estar em uma reunião ou em qualquer lugar rezando p/que ela ñ apareça e enfim de tanto lembrar ela aparece mesmo...rsrsrs

    ResponderExcluir
  17. Muita gente acha que dificuldades emocionais como ansiedade, indecisao exagerada e a depressao devem ser "vencidas" como inimigos espirituais: com fe e forca de vontade.
    Vale a pena lembrar que ha dois seculos atras se pensava a mesma coisa das doencas do pulmao e das doencas venereas. Hoje em dia, ninguem mais acredita nisso. Foi-se o tempo em que padres e pastores faziam "exorcismos" em pessoas epileticas. Devemos lembrar disto quando sugerimos que a fe, sozinha, cura doencas mentais e transtornos emocionais mais leves.
    A ciencia mostrou que remedios, exercicios (como a ioga e o relaxameno), nutricao correta e psicoterapia ajudam e muito. Porque? Porque o cerebro e um orgao, como um outro qualquer, que pode ter problemas do mesmo jeito que o intestino pode ter uma infeccao e um osso ter uma fratura.
    Ainda temos vergonha de tomar antidepressivos ou fazer psicoterapia.
    Ja temos como "ver" as conexoes eletricas alteradas no cerebro de um esquizofrenico, de um autista e de uma pessoa deprimida. Pedir a eles que rezem e tenham forca de vontade e a mesma coisa que pedir a uma pesoa que tenha auto-controle para sarar de uma diabetes ou de pressao alta.
    A Criacao inteira celebra o maior dos milagres: o amor ao proximo e a Natureza...negar a quem sofre os beneficios do Conhecimento e fechar as portas para a graca divida.
    Pessoas ansiosas se beneficiam de psicoterapia de orientacao behaviorista, onde aprendem a relaxar e enfrentar as crises. Podem, em alguns casos, melhorar com medicacao e mudancas na organizacao da vida.
    Tente o que for melhro para voce - peca ajuda! Nao tenha vergonha do seu cerebro e das dificuldades dele. Ha muita coisa que o seu cerebro ainda vai fazer de bom para a Humanidade!

    ResponderExcluir
  18. Adorei este último comentário, pena que não se identificaram para que eu pudesse responder individualmente.
    Eu realmente não me sinto nem um pouco confortável por usar antidepressivo e ansiolítico. Por preconceito mesmo, eu acho. Preciso seguir seu conselho, e não me envergonhar das dificuldades do meu cérebro. Obrigada de verdade pela mensagem.
    Só gostaria de acrescentar uma coisa: o tratamento deve sim ter medicamentos e psicoterapia associados, mas na minha opinião, se somos compostos de matéria e espírito, temos que cuidar de ambos. Não apenas com atividade física, mas com o desenvolvimento da fé, da paz e evolução espiritual. Mas aí vai da crença de cada um. O importante é buscar ajuda e se tratar. Abs e volte sempre!

    ResponderExcluir
  19. Amei,
    Sofro de ansiedade há 2 anos e isso fez-me muito bem... :)

    Sinto que existem mais pessoas como eu e que não sou a única a sentir-me assim!

    Beijo

    ResponderExcluir
  20. achei interessante essas dicas, vou colocar em pratica e ver o resultado.

    abraços

    ResponderExcluir
  21. oi jente eu me chamo lorena
    olha eu era super anciosa
    tinha 15 anos e meu medico disia que de tanta ansiedade eu poderia ficar depreciva
    ele me passou um remedio para tomar na hora de dormir
    fiquei mas calma mas nao o bastante
    ai passei a procurar sobre ansiedade e achei esse blog segui as dicas todos os dias
    fiquei super calma
    fui ao medico ai ele perguntou que aconteceu eu disse tudo e ele ficou surpreso
    ai ele mandou parar com os remedios hoje com 16 estou curada olha que eu nem acreditava nesse blog olha so o que deu ne.


    beijos ass:lorena

    ResponderExcluir
  22. E isso mesmo pessoal, nao podemos deixar com que esse mal nos destrua aos poucos. Tenho 30 anos e sofro de ansiedade desde os 7 anos, me lembro que depois da semana de prova do colegio nao conseguia dormir, pois ficava pensando o tempo todo: "Sera que o professor esta corrigindo a prova sera que ja corrigiu? Sera que eu fui bem? Imagina so; 7 anos de idade? Perdi muitas oportunidades na minha carreira profissional, pois sempre fui muito dedicada, tive varias propostas para ser promovida, mas por medo nao aceitava. ha dois anos atras essa ansiedade se intensificou e sofri de fobia social, me sentia incapaz de realizar tarefas simples, como: cumprimentar as pessoas, me relacionar com amigos e familiares, nao queria ver ninguem e me escondia de tudo e de todos.
    Mas o curioso e que nao queria demonstrar esses comportamentos a ninguem fingia que estava tudo bem, entao sofria sozinha....
    Hoje estou melhorando, com atividades fisicas, e muita oracao e fe em Deus!! Hoje tento nao me culpar mais como antes, acredito que cada um tem a sua fraqueza e nos devemos supera-la cada vez mais, no meu caso a terapia de exposicao me ajuda muito e bem eficaz, apesar de dolorosa. Enfrentar o problema e a melhor forma de soluciona-lo. Nao desistam, tudo passa.... Creiam em Deus! Tudo vai dar certo!!!!
    PAZ....

    ResponderExcluir
  23. Muito Bom O Blog.

    O meu caso é parecido com a maioria, inclusive acho que um pouco mais intenso pois já fui ao hsopital varias vezes achando que tinha algo grave com sintomas de falta de ar, dor em varias partes do corpo inclusive peito, formigamento, sudorese, sensação de morte de loucura dor de cabeça, etc.
    Fiz uma serie de exames uns 15 mais ou menos, e nada foi constatado até que um Psiquiatra me comentou que cada vez é mais comun e que com medicação e psicoterapia melhoraria.
    Bom no momento eu estou melhor e não tenho crises tão intensas a ponto de ir ao Hospital mas ainda vêem pensamento ruins de que não estou bem e que podem acontecer coisas terríveis.
    Na verdade me surpreendo pq até 4 meses atrás eu era totalmente o oposto, ou seja não me preocupava com nada e tudo estava bom. Desde que comecei a trabalhar em um cargo alto tenho estes sintomas, talvez seja muita responsabilidade não sei, mas vou continuar procurando as causas.

    Obrigado a todos por contar vossa experiencia.

    ResponderExcluir
  24. Desde o ano passado sofro de ansiedade, só que não sabia, pensava que eu ia morrer de repente de um ataque cardíaco, fiz uma serie de exames e nunca dava nada (graças a DEUS Né).Optei por não tomar remedios e que eu ia conseguir me livrar desse mal com ajuda de DEUS sim e com psicoterapia que inclusive me ajudou muito.Hoje ainda sinto algumas coisinhas mais já sei lidar com ela.

    ResponderExcluir
  25. Prefiuro não me identificar poor nome, tenho 17 anos, moro no RN...ha alguns meses, 9 pra ser exato, eu venho sofrendo com ansiedade e panico. De inicio eu, só sentia na escola mais conseguia me controlar. com um tempo foi aumentando, até q um dia enquanto eu estava fazendo um prova, começei a soar as mãos, tremer. com muita luta, consegui terminar a prova. deste dia endiante, tudo mudou em minha vida. Num tava mais conseguindo assistir aula, pois sempre q eu estava na escola o coração acelerava e eu tentava respirar fundo e não conseguia. Então acontecendo isso eu ia embora e num assistia todos os horarios. quando foi no final do ano, reprovei na escola por faltas. Essa anciedade, hoje aumentou muito, meu sou uma pessoa insegura, não consigo assistir as aulas com medo de passar mau, estou indo ao cardiologista, pra fazer um checape. Sofro muito com isso, vou tentar optar por esses meios de reaxamento desse blog tmbm e espero ter resultaados positivos se deus quizer. As vezes fico pensando, eu era um cara normal, saia com os amigos, nunca senti nada, mais de uma hora pra outra me vejo nessa situação(CHORANDO NESSE MOMENTO). Mais tenho fé em deus q tudo vai da certuh e eu vou me curar...

    ResponderExcluir
  26. Pessoal, tenho recebido muitas mensagens de pessoas que tem se sentido melhores depois de lerem meu blog. Fico realmente muito feliz, obrigada!!!!
    Torço e peço a Deus que todos nós encontremos a cura, e que possamos viver mais felizes, com menos ansiedade e medo.
    Continuem comentando!

    ResponderExcluir
  27. o negócio ´pensar positivo e enfrentar os seus medos nunca retoceder e saber que em cristo jesus somos mais do que vencedor.

    ResponderExcluir
  28. Muito bom esse blog,é muito bom comparilhar com pessoas que tem sse mesmo problema, porque só quem passa por isso é que entende. Um abraço.

    ResponderExcluir
  29. Antas de mais nada parabéns por sua iniciariva de ajudar pessoas como eu, e compartilhar dessas informações que muito nos ajuda a compreender-mos melhor nosso problema!valeuuuu!

    ResponderExcluir
  30. o meu muito obrigado pela partilha de comentários e em essencial pelas dicas apontadas no blog... o meu caso começou faz já uns anos atrás, penso que a causa foi o consumo de drogas, e mais tardiamente uma separação amorosa.. sou muito boa pessoa, alegre e divertido, mas deixei de sentir esse conforto com as pessoas devido a ansiedade e fobia social... é um túnel sem fim a solidão, mas a pouco e pouco tento dar positividade à minha linha de pensamento e afastar tudo o que tem de negativo. só posso desejar aos restantes que consigam ultrupassar da melhor maneira... tenho experimentado meditação e tem ajudado muito. sou uma pessoa que não acredita em medicação para problemas de ansiedade, depressão e fobia social. está tudo na linha de pensamento e da maneira que percepcionamos a realidade.

    boa sorte

    paz

    chegará o dia em que daremos a carta certa a esta humanidade.

    força

    ResponderExcluir
  31. parabens pelo blog eu tambem sofro de ansiedade!!!!mas pretendo me curar!!!bjossssssss

    ResponderExcluir
  32. Todo tipo de ajuda émto importante..realmente estasdicas fazem com que a gente se identifique e possa solucionar os problemas....força p/ todos e féem Deus....

    ResponderExcluir
  33. Agradeço a iniciativa de quem fez este blog. Infelizmente como todos já sabem o número de pessoas com ansiedade, depressões, ataques de pânico e outras fobias, tudo relacionadas com a ansiedade, está a aumentar. A sociedade, só tem tempo para falar de doenças que consideram mais perigosas, como gripe A, casos de cancros e outras que ouvimos mais. Pouco, ou melhor, muito raramente ouvimos falar na "ansiedade", que também leva muitas pessoas a terem depressões, a ficarem debilitadas e a cometerem actos de loucura, como o suicídio.
    Infelizmente sofro de ansiedade há mais de 12 anos, tenho agora 32, já muito li sobre isso, muito aprendi também... e sem dúvida que as dicas que o caro(a) amigo(a), cá deixou, são boas, pelo que aconselho a todos que tentem... felizmente para a maior parte das pessoas isso pode ser passageiro, se tiverem de tomar algum tipo de calmante, não sofram com isso, é apenas para corrigir o que o organismo, de momento está incapacitado de fazer. Ter fé e esperança que vão melhorar, se tiverem uma religião é bom, quando estiverem mesmo, muito mal, pensem em algo que gostam muito, que vos é muito querido, tentem relaxar. E principalmente não desistam por sentirem as pernas a tremer, ou o coração aos pulos, Por vezes pensamos que nos vai dar algum ataque cardiaco, mas bem, eu já ando nisto há 12 anos, ainda não aconteceu (espero que não aconteça) e também é verdade que os ataques de pânico passam rápido. Praticar yoga, fazer umas caminhadas, se divertir de vez em quando.
    Melhoras e felicidades para quem deixou cá um pouco das suas vidas.

    ResponderExcluir
  34. Sonia, muito obrigada pelo seu comentário. Sensível e extremamente relevante!
    Sou uma "Cara Amiga" que criou esse blog justamente para ajudar pessoas que, como eu, sentem falta de informações sobre o assunto e de apoio. Trocar experiências e saber que outras pessoas estão passando pelo mesmo problema que você é sempre confortador, além de estimulante! Saúde, sucesso, alegria e dias melhores para todos nós! Abraços e volte sempre!
    (pelo visto, você é portuguesa, certo?)

    ResponderExcluir
  35. Sim cara amiga, sou portuguesa... e agora com esta crise, desempregos e más situações finaceiras, é bom que as pessoas tentem não ficar stressadas e angústiadas, perante os sintomas de ansiedade, pois ela consegue sem dúvida dar cabo de nós.
    Tudo de bom amiga...

    ResponderExcluir
  36. PARABÉNS ME CHAMO IBRAIM SOU DE MINAS E 3 HORAS ANTES DE PESQUISAR SOBRE ESTE ASSUNTO NA INTERNET ESTAVA NO CONSULTORIA DE UMA PROFISSIONAL PARA ME TRATAR MT BOM O TEXTO DEUS TE ILUMINE SEMPRE.

    ResponderExcluir
  37. Oi! Seu texto me acalmou, tem 3 meses q tirei a minha carteira de motorista, sempre dirijo com alguém ao meu lado(outro motorista), hoje, daqui a pouco, vou ter q pegar o carro, sozinha,minhas mãos estão tremendo, estou suando, minha barriga está dando uns frios estranhos e mínhas pernas estão bambas, fora a boca seca.
    Lendo o texto fiz um pouco da respiração mais profunda e me sinto melhor, tb aprendi que se eu não entrar naquele carro hoje e enfrentar esse medo dificilmente vou me livrar desse pânico horroso!
    Já li o Texto 2 vezes!!
    Obrigada
    Cris(mãe do Lucas)

    ResponderExcluir
  38. Agradeço a Deus por existirem pessoas com vc q se preocupam em ajudar ao próximo pode ter certeza de q vou pro curar fazer tudo q escrevestes aqui.bjs.

    ResponderExcluir
  39. Bela iniciativa, lê tudo.. e vou tentar por em pratica cada passo de relaxamento!! e pros que acham que isso é 'viadagem' deviam sentir na pele uma otima crise de panico.. e depois vim aqui comentar sobre a 'viadagem' ;)

    ResponderExcluir
  40. Bom, sou do ES e acabei de achar esse blog sobre ansiedade. Também enfrento esse problema há algum tempo. Nossa, como é difícil. Mas confesso que após ler tantos depoimentos fiqei mais tanquila. Assim como muitos de vcs tb já fiz vários exames e não acho nada. Tive diversas crises e parei no pronto socorro várias vezes. Realmente é uma angústia passar por isso. Principalmente quando vamos perdendo a vontade de viver intensamente por medos que sentimos. Depois de tantas porradas resolvi procurar ajuda de um psicologo. Tenho fé em Deus que sairei disso. E torço para que todos vocês também consigam. Muito bacana esse blog. É um ato muito nobre ajudar os semelhantes!! Parabéns pela iniciativa.

    ResponderExcluir
  41. Agradeço a existencia do blog e os testemunhos de todos. O facto de lermos experiencias mais ou menos parecidas com as nossas, faz-nos muito bem, pois vemos que afinal não estamos sozinhos nisto. Os sintomas sao muito idênticos e afinal parece que há luz no fundo do túnel e não nos vai acontecer nada de mal, nem morrer nem ficar maluquinhos (que é o meu maior medo..). Ja tive também um ataque de panico e fiquei memso muito assutada porque nao sabia o que estava a acontecer, pensei que fosse eloquecer e qanto mais pensava nisso, mas acha que estava mesmo a ficar)..mas passou de facto ...

    Ana

    ResponderExcluir
  42. ola meu nome eh claudio,como todos os comentarios q eu li aqui sei q o mundo ta realmente caminhando para um abismo emocional das pessoas,pois saum dificuldades muito mas evoluidas q antigamente,olhem eu comecei a sentir todos os sintomas q vcs,inclusive uma dor atras da cabeça q parecia q tinha um tumor la,mas fui fazendo exames e mas exames e nada,ai comecei a ouvir relatos de alguns amigos e amigas q tratavam quase dos msmos sintomas,tbm ouvi muitos medicos me dizerem q era apenas caso de ansiedade,comecei a me imformar sobre tudo,nossa meu computador ficou muito cheio de informaçoes,ja tava virando fixaçaum,ateh q em um belo dia resolvi;quer saber eu vou eh começar a fazer tudo da maneira ms dificil,e naum peguei leve comecei a mim testar ao maximo,fui calreando a mente comecei a dormir melhor,parei de sentir muitos ou quase todos os sintomas q sentia,nossa posso dizer q foi uma recuperaçao de 95%,ateh q um belo dia as sensaçoes vieram muito fortes,e eu tive aquela recaida,mas sabem oq foi q eu fiz,simplesmente comecei a sorrir de mim mesmo,eu sorria e epnsava,nossa mas q bobagem eh essa naum tenhu nada,sou dez de saude,porq q eu tenhu q ta passando por isso ,fala seriu esse naum sou eu,vcs precisam ver sabem foi como se eu tivesse morrendo de sede e bebesse muita agua e me satisfizesse,nossa foi impressionante minha melhora,depois disso posso dizer fiquei 99% curado,hoje em dia retomei minha vida e tenhu me saido muitissimo bem,sei q algum dia posso vir a ter novamente aquelas sensaçoes,mas digo a vcs,qd ouvirem um sorriso maior do mundo ja sbem q sou eu,pois sei q sou perfeitamente normal.eswpero poder ter ajudado vcs com esse relato,sejaum fortes lembren se q naum precisa ter medo,pois todos temos ciencia de q estamos aki soh d passagem e qd chegar a hora naum vai adiantar sentir medo,essa eh a moral da vida........abraçaum e melhoras pra vcs.......

    ResponderExcluir
  43. Olá amigos, também sofro de ansiedade há muito tempo e agora resolvi procurar um tratamento médico pois estou sofrendo com isso. TEnho muita fé, oro muito pedindo ajuda e sei q uma das formas que Deus está me ajudando é me dando força para encarar este problema e procurar ajuda, visto que até disso eu tenho medo e vergonha. Vi que algumas pessoas procuram psicologos outras psiquiatras...qual o mais indicado no caso de ansiedade? Você pode me ajudar?

    Desde já, agradeço a todos e a dona do blog. É muito bom saber que não estou sozinha, isso nos dá força para lutar com isso, não é mesmo? Um grande abraço a todos

    Fiquem com Deus!

    E muita força amigos, vamos conseguir!!!!

    ResponderExcluir
  44. Ola boa tarde! Sabem é muito dificil esta situaçao de ansiedade ataques de panico e fobia social. Esta noite eu parecia que morria, nao consigo dormnir, quando sentia meus olhos fecharem meu coraçao saltava com medo e acordava novamente. Tremo muito. doi me muito o peito e todos dizem que sao nervos. Sou uma pessoa realizada, sou casada, tenho 1 casa, nao tenho problemas profissionais nem de saude e porque sou assim !??! Porque tenho medos? Nao sei. ja tive em psiquiatras, psicologos, neurologistas etc etc e tudo isto ainda persiste em mim ! Hoje estou muito triste! Parece que vou eloquecer, mas tenho consciencia que tudo vai passar , que nao passa de mais um cansaço psicologico.

    ResponderExcluir
  45. Eu tive uma crise de ansiedade que de tão forte, fiquei em pânico, e quanto mais sentia os sintomas, mais me desesperava, fiquei uma noite inteira sentindo a adrenalina queimar o meu corpo, juntamete com nauseas e falta de ar.
    Percebi que preciso tb ter um auto controle sobre isso, e essas dicas me ajudaram a me controlar.
    Não é fácil mesmo sentir isso, mas, realmente não mata ninguém, pq se matasse, depois de sentir isso por 6 horas inteiras eu estaria morta!!!
    Levo isso como um crescimento e experiência para que não ocorra mais de forma tão intensa, ja que hoje temos tantas técnicas pra esse tipo de problema que é mais comum do que imaginamos!
    Um abraço a todos!

    ResponderExcluir
  46. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  47. Otimas dicas, tenho sindrome do panico a alguns meses e nunca imaginei que isso aconteceria comigo pois era considerado uma pessoa forte e de rápida saida em situações inusitadas e de tanta carga de problemas e decepções veio o maldito diagnostico, ainda sofro do problema mas lendo tópicos como esse nos beneficia para nossa melhora espero que todos aqui fiquem bem pois como dizem não desejo isso nem para meu pior inimigo!!!

    ResponderExcluir
  48. A minha ansiedade é um problemãoO,
    éla faiz com que eu perca a ereção
    me deixando tenso di ante do momento e fazendo com que o meu meninãoO naumm suba! agora tem momentos em que fico avontade e tudo ocorre normal! ele jâ me deixou na mãoO umas duas Vezes! Preciso me curar dessa ansiedade o mais rapido possivel antes que éla arruine minha vida!!!

    ResponderExcluir
  49. É muito bom saber que não estou sosinha esses comentarios me ajudaram muito só quem passa é que sabe como é ruim ja to conseguindo controlar essas crises busco forças em meu filho tenho que ficar bem pra ele Que Deus abençoe todos!!!!

    ResponderExcluir
  50. Tenho 40 anos e sempre fui uma pessoa impaciente. Hoje percebo que minha impaciência é reflexo da minha ansiedade. Descobri isto quando minha pressão arterial passou a indicar que havia algo errado. Meu médico me indicou uma terapeuta que esta me ajudando a descobrir que a ansiedade esta presente em minha vida em vários aspectos. No profissional, no familiar, no social, no sexual, enfim , hoje me dou conta de que ela vem pautando minha vida e me fazendo ter reações que impedem minha caminhada de forma mais feliz.
    Estou fazendo curso de teatro para auxiliar no tratamento e me reúno 1 vez por semana para o futebol. Percebo que a cura é demorada, mas os poucos resultados já são visiveis. Compartilho isto com todos porque hoje me faz bem falar disto. Obrigado.

    ResponderExcluir
  51. Sou uma garota de 23 anos e ha alguns anos tive sintomas de Sindrome do Panico, mas passou. Em setembro do ano passado meu pai teve um infarto e veio a falecer enquanto jantavamos. Foi horrivel!!! Desde entao tenho crises fortissimas com suor, palpitaçao, vertigem, dificuldade para comer, viajar, trabalhar... mas estou me tratando e espero que tudo isso passe logo. Tenhamos fé em Deus, dias mais bonitos virao...

    ResponderExcluir
  52. É PARA MIM TBM FOI MUITO RUIM.. UM DIA NA SEXTA FEIRA DE ANO DE 2006 MAIS O MENOS UMAS 10 DA NOITE DEITEI NO SOFA E COMESEI A SENTIR COISAS NO MEU PEITO .. AHM AT ENTAO TUDO BEM.. MAIS AQUILO N PARAVA.. PUTZ COMESEI A FICAR COM MEDO.. BEM AI EU FUI ME DEITAR .. COM AQUELA COISA NO PEITO... DEITEI.. MAIS AQUILO N PARAVA...... NOSS COMESEI A ENTRAR EM PANICO..... NOSS.. FICAVA PRA LA E PRA CAA N SABIA OQ FAZER.. ATE Q EU DISS PRA MINHA MAE QUE IA DAR UMA VOLTA.. EU N CONSEGUIA VICAR PARADOO NEM UM MINUTOO SE QUER AI EU SAI DE CASA E FIQUEI ANDANDO MAIS DE 4 HORAS..CHEGUEI EM CASA COM UM SUPER SONO.. E TENDEI DORMIR.. BEM A COISA QUE EU ESTAVA SENTINDO NO PEITO N PASSAVA E EU MESMO ASSIM DEITEI E DORMI UNS 2HRS... MAIS QUANDO EU ACORDEI AINDA ESTAVA COM A COISA NO PEITO ..ERA PITO UMA PALPITASÃOZINHA.. SAB.. ERA MUITO CHATA.. N ERA PRA TANTO ASSIM MAIS EU FIQUEI MUITO ENCOMODADO.. AFF MUITO CHATO.. BEM ISSO FICO SEXTA SABADO ATE TERÇ.. Q MINHA TIA ME LEVOU NO MEDICO.. E NO CAMINHO ELA ME DEIXOU MUITO MAIS TRANQUILO.. QUANDO ELA ME DIS QUE JA TEVE ISSO TBM KK E QUE MINHA VO TBM TINHA KKK NOSS EU FIQUEI SUPER TRANQUILO.. SAB.. FOI UM ALIVIO.. AI EU CHEGUEI NO MEDICO.. E FALEI O Q EU TINHA E ELE ME DEU UM REMEDIO SUPER BOM E FREQUINHO( GRAÇAS A DEUS) KK FLUOXETINA Q QUANDO EU TOMEI DEPOIS DE 30 MINUTO EU DORMI POR MAIS DE 4 5 HRS E QUANDO EU ACORDEI N ESTAVA MAIS SENTINDO AS PAUPITASÃOZINHASKK AIAI FOI UM ALIVIO.. BEM MAIS EU DE LA PRA CA EU N TOMEI MAIS.. ME SENTI BEM MELHOR DEPOIS QUE EU COMESEI A SAIR E ME DIVERTIR E PENSAR MUITOOOO MAIS EM MIM.. ISSO FOI MUITO BOM.. BEM MAIS HJ EU NAMORO E TRABALHO MUITO E TENHO UMA VIDA MUITO PARADA PQ EU SAIA MUITO E ZUAVA DE MAIS,... POR ISSO QUE EU MELHOREI BASTANT.. MAIS EU QUERIA MELHORAR MINHAS ZUERA.. KKK E ACABEI PARANDO DE SAIR.. E FOUTEI A TOMAR KK MAIS ESTOU FAZENDO PLANOS PRA SAIR.. E ZUAR POR AI.. UMA DICA.. QUEM TEM ANSEIDADE... N É UMA COISA DE 7 CABEÇAS.. É SÓ VC SE CONSENTRAR E N FICAR PENSANDO MARDA.. PQ ND DISS ACONTESE.. ANDA COM PESOAS QUE PENSE PRA FRENTE. N FIQUE ASISTINDO FILMES DE MORTE OU QUE TE EMOCIONE MUITO TERROR.. ETC.. TENT SE DESTRAIRO MACIMO TENT BRINCAR CONHECER PESSOAS NOVAS E PRESTAR ATENÇÃO NOQUE ELAS FALAO IMAGINE COIAS BOA E N FIQUE BITOLADO EM UMA COISA SÓ...TEM UMA COISA TÃO BOA PRA SER PENSAR.. QUE É DEUS.. PENSE NELE QUE TUDO VAI SE RESOLVER....... ATE MAIS..

    ResponderExcluir
  53. Obrigada pelas dicas, acredito que seram muito úteis. Faz mais de 4 meses que não consigo sair de casa. Isso tudo começou a acontecer logo depois que minha segundo filho nasceu. Logo que virou o ano, eu não consegui mais sair de casa sozinha, nem ir na pracinha levar meus filhos eu consigo. Tenho medo de estar sozinha com eles, medo de ser fraca e não conseguir proteger eles. Na verdade não consigo nem ir no médico pq tenho medo de ir até o consultório. Fico ansiosa dias antes de sair, pq sei que tenho algum compromiço. é horrivel, fico triste com sono sem vontade de fazer nada. Não aguento mais. Espero que as dicas que vc deu deem certo pq nao quero tomar nenhum remédio pq amamento minha filha. Até mais... obrigada novamente!

    ResponderExcluir
  54. Obrigada pelas dicas, acredito que seram muito úteis. Faz mais de 4 meses que não consigo sair de casa. Isso tudo começou a acontecer logo depois que minha segundo filho nasceu. Logo que virou o ano, eu não consegui mais sair de casa sozinha, nem ir na pracinha levar meus filhos eu consigo. Tenho medo de estar sozinha com eles, medo de ser fraca e não conseguir proteger eles. Na verdade não consigo nem ir no médico pq tenho medo de ir até o consultório. Fico ansiosa dias antes de sair, pq sei que tenho algum compromiço. é horrivel, fico triste com sono sem vontade de fazer nada. Não aguento mais. Espero que as dicas que vc deu deem certo pq nao quero tomar nenhum remédio pq amamento minha filha. Até mais... obrigada novamente!

    ResponderExcluir
  55. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  56. Olá pessoal!!!
    Achei muito legal o blog! Sofro de ansiedade a alguns anos e isso ja me atrapalhou muito!
    Confesso que tenho vergonha de buscar ajuda profissional, tomar remédio, etc... Mas lendo os comentários dos amigos aqui abriu meus olhos! Vou procurar ajuda!!!
    Grande abraço a todos!!!

    ResponderExcluir
  57. Leandro Rosa:
    parabéns realmente fascinante, durante anos desde os 16/17 até os tempos atuais 27 anos sempre sofri com dores abdominais, pressão no peito corria para o médico achando que iria morrer, porém exames e mais exames e nada fisicamente. Com orações e busca pelo principal motivo dessa fraquesa conheci esse site adorei a postagem e orientação e que Deus possa lhe abençoar grandemente. Curiosamente estava meio afastado de Deus e hoje fui a igreja orar e por forças divinas continuei a busca pela causa dessas sensações estranhas e aqui consegui compreende-las.
    Jesus nos ama e é o mesmo de hoje ontem e sempre ! Busquem a ele nas suas jornadas de vida e verão o qual fácil resolverão esse e tantos outros problemas.

    ResponderExcluir
  58. Boa Noite aqui de Portugal :)
    Sofro de ansiedade e ataques de pânico desde os meus 20 anos, tenho agora 25. Estou num psiquiatra e a fazer psicoterapia também numa psicóloga. Ando meses a fio 'bem', mas depois a ansiedade volta e eu fico sem saber como lidar com ela. Nestes últimos dias tenho andado pior porque o meu negocio está a correr mal, e por vezes nem consigo estar lá com o pânico de falhar.
    Contudo, não desisti nem quero desistir de combater a ansiedade! Sei que há inúmeras pessoas com este problema, e sei também que se quisermos e formos ajudados...um dia vamos lá chegar. Temos de encarar um dia de cada vez e lutar ao máximo para que isto não tome conta de nós. Ultimamente tem sido difícil para mim, mas espero conseguir sair deste buraco. Obrigado pelo blog. Parabéns e força a todos e todas!

    ResponderExcluir
  59. fico bastante ansioso quando vou ter que viajar de aviao, é uma mistura de medo com ansiedade, pois no ano passado passei mail por 1 hora mais ou menos vindo de fortaleza para o rio de janeiro. vou tentar buscar nas dicas algo que me descontraia para fazer com que nao fique tao ansioso assim.

    ResponderExcluir
  60. fico bastante ansioso quando vou ter que viajar de aviao, é uma mistura de medo com ansiedade, pois no ano passado passei mail por 1 hora mais ou menos vindo de fortaleza para o rio de janeiro. vou tentar buscar nas dicas algo que me descontraia para fazer com que nao fique tao ansioso assim.

    ResponderExcluir
  61. Pois é pessoal....
    Tenho passado momentos muito dificieis na minha vida por causa desta tal ansiedade, até conhecer esse Fantástico blog. Tenho Fé esperança que todos nós aqui e em outros lugares iremos vencer esse mal e voltarmos a ter nossas vidas normais novamente. Não é fácil, mas tendo um pouco de fé em DEUS vai nos ajudar.

    Grande abraço ao autor do blog.

    Fiquem com DEUS.

    ResponderExcluir
  62. Achei o site por acaso, a dois dias tive dos ataques de pânico, um frio no peito não conseguia dormir, já sofro de ansiedade desde da infancia, mais piorou com o falecimento da minha avó, um ano depois do meu pai, depois de um ou dois meses tive que operar apendice e depois de menos de uma no sentir uma pressão na cabeça pensei que não fosse nada, foi uma crise hipertensiva. depois de aproximandamente um ano comecei a sentir tipo uma pressão no cerebro pensei que fosse algum principio de avc ou tumor.Descobri mais tarde que era ansiedade espero que com essas informações no blog consiga jutamente com os comentarios espero melhor obrigado a todos.

    ResponderExcluir
  63. Eu, já tive muitas crises, não sei exatamente se é só pânico e ansiedade, só sei que até hoje ao novos acontecimentos em minha vida ainda me deixam desesperada, tenho uma enorme insegurança, e isso tem atrapalhado bastante a minha vida, tento evitar os desafios,parei de trabalhar por não me sentir capaz. Começa assim quando tem um fato novo para acontecer, não consigo parar de pensar naquilo, às vezes fico até sem dormir.será que pânico e ansiedade, sentem pessoas que são neuróticas?

    ResponderExcluir
  64. Valeu cara, eu tenho 17 anos e ja tive algums ataques de pânicos, vários problemas tive que me confrontar, ainda tenho um pouco de ansiedade embora diminuiu bastante e essas dicas ajudam mesmo.

    Até mais!

    ResponderExcluir
  65. Olá Pessoal. Confesso estar bem mais tranquila após ler esta postagem e todos os comentários. Tenho sofrido de ansiedade e como muitos estive diversas vezes na emergência dos hospitais com sintomas de taquicardia. Houve momentos em que pensava estar ficando louca e momentos de choro em desespero por estar tão diferente do que era. Deixei que o stress chegasse a um estágio tão elevado que larguei o emprego por não consegui mais ir ao serviço e tudo que se marcava eu ficava em desespero até o dia do evento, de um casamento a uma ida ao cinema com meu namorado. Estou fazendo terapia e hoje quando sinto os sintomas de pânico tento me controlar, quando não consigo sei que vai passar rápido, já sei até a ordem dos acontecimentos (tontura, sensação de pressão baixa, de repente coração acelerado, dores no peito, no pulço, frio e muito choro. Respectivamente nesta ordem). Enfim, coisas que aprisionam a gente de modo que passamos a não mais nos conhecermos. Estou fazendo acupuntura duas vezes por semana e tenho visto bastante resultado. Porém com a ajuda da terapia consegui chegar à origem do meu problema, guardar o que penso com medo de magoar alguém. Descobri que minha melhora chegará no momento em que eu começar a respeitar as minha vontades, as vontades do meu corpo, desde pequenas coisas como frequentar locais para agradar alguém a guardar uma informação com medo da reação do chefe. Aprendi que a gente pode se obrigar nosso corpo a diversas coisas, mas quando a mente começa a reagir o corpo não consegue se controlar.
    Espero com fé ter ajudado alguém do mesmo modo que fui ajudada pelos diversos depoimentos.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  66. Parabéns! Somente aqueles que tiveram experiências aflitivas em todos os aspectos, podem, verdadeiramente, entender as "dores" de uma ansiedade sem controle. Obrigado, pois, pessoas como você ainda nos faz acreditar que existe um lado bom e caridoso em seres humanos que, de fato, preocupam-se com o seu semelhante. Que o Senhor DEUS continue a lhe abençoar, proteger e guiar, dando-lhe mais e mais forças com vista a que continue a oferecer essa bela e digna âncora espiritual e prática como ajuda ao nosso próximo.

    ResponderExcluir
  67. Pessoal,

    Talvez fosse útil que vocês lessem um pouco sobre os primeiros casos tratados por Freud. Junto a isso, vou colocar também um link com informações importantes sobre a ansiedade. Foi bastante útil para mim. Cada um chegue a suas próprias conclusões.

    Um abraço,

    http://sites.google.com/site/cacifopsique/freud---o-caso-de-anna-o

    http://www.ajudaemocional.net/id308.html

    ResponderExcluir
  68. Olá meu nome é Natali e eu sofro com a ansiedade. Para falar a verdade eu só tenho 11 anos.Adorei as dicas!mas gostaria de falar que: agora estou dormindo tarde á noite por causa que sou ansiosa... o motivo foi eu ter baixado um PS Style fico ansiosa d+ para dormi e até perco o sno.Simplismente odeio isto pois no outro dia fico com angustia poquê não dormi á noite ~~, eu me sinto diferente das outras crianças.Alguem poderia me ajudar?

    ResponderExcluir
  69. Natali. Converse com os seus pais sobre isso que você sente e procure a ajuda de um psicólogo. Se você tratar isso no começo, a cura fica mais fácil e você evitará o agravamento dos sintomas. Quando eu tinha 16 anos (ou sou o anônimo logo acima do seu comentário) apresentei quadros bastante sgudos de ansiedade e sintomas. Não fui ao psicólogo na época, resisti. Hoje penso que se eu tivesse ido, talvez bastante coisa tivesse sido evitada. Mas, enfim... vivo o hoje. Hoje estou me encontrando emocionalmente e faço tratamento com medicamentos e com psicoterapia. Converse com seus pais abertamente e peça para que eles procurem um psicólogo. Tenha coragem. Se esconder piora o quadro. Você vai ver, você vai ficar boa. E você não é diferente das outras crianças... é igual a elas. Mas a ansiedade causa, mesmo, essa modo de perceber as coisas de uma forma diferente. Você vai ficar boa, você vai ver.

    ResponderExcluir
  70. Há 20 dias tive uma crise de ansiedade e junto com ela o medo de que as duas pessoas que mais amo (meu filho e namora), que haviam saído de férias, não retornassem mais pra mim. Isso me consumiu quase que por inteiro. Parece loucura, mais fiquei com medo de atender o telefone, comecei a beber todas pra tentar dormir. Hoje perdi minha namorada, vi que a bebida em nada me ajudou. Ainda sofro sequelas, mas to aprendendo a falar mais com as pessoas que me cercam. Tá difícil, mas eu vou me livar desse problema...

    A todos que tem esse problema, saibam que nossas vidas são mais fortes que isso.

    ResponderExcluir
  71. Primeiramente Parabéns pelo blog ele é de +++
    ESTOU precisando de orientação, bom eu tenho 20 anos e depois de uma reação alérgica, que fez minha garganta fechar (edema de glote) , comecei a ter crises de pânico, apesar de tudo, ate ai tudo bem, o problema começa quando eu tenho que lidar com meu pai dizendo sempre que ele pode que é frescura, com o vestibular, com trabalho, sempre fui tímida(extremamente), e minha relação com meu pai sempre foi ruim(pior possível), sinto que tudo isso virou uma bola de neve, mais a pergunta é, COMO LIDAR COM TUDO ISSO ?

    ResponderExcluir
  72. mais a pergunta é, COMO LIDAR COM TUDO ISSO ?
    Algumas atitudes ajudam, como:
    1-conversar mais com seus pais;
    2-dividir sua angustia com colegas.
    3-falar do seu sofrimento para outras pessoas,como vc está fazendo nesse blog.Por pra fora.
    4-quanto mais timida,mais retraida,pior ficará.
    5-não assuma mais responsabilidades do que aquelas que já tem.Nem que sejam responsabilidades boas como planejar uma viagem; arrumar nomorado novo;pelo menos por enquanto, até vc se fortalecer, pois qualquer coisa nova será encarada com uma nova responsabilidade. Seu caminhão consegue carrregar uma quantia de areia, se vc coloca mais areia do que ele aguenta carregar, então, com certeza terá problemas.

    6-procure um médico especialista, ele vai orientar e indicar medicamento certo para relaxar, dormir bem.Na verdade é um tratamento, ou seja, não é com uma consulta que tudo será ajustado.Dormindo bem já é um bom indicio para se ter um otimo dia.
    7-procure atingir objetivo pequenos, depois outros objetivos mais dificeis.

    ResponderExcluir
  73. ola eu chamo me pedro e tenho uns ataques de ves emquando comesa me a faltar a vista depois deixo de sentir o braço direito e paralisa me a cara depois fico com bastantes dores de cabeça nas fontes e só me aptece dormir e começo a ouvir as coisas tipo ao fundo do tunel. ja me disseram que é anciedade será que me podem dar uma certeza e ajudar por favor ? isto é muito deluroso :(
    se quiserem deixo aqui o meu email pedro.duarte.19@hotmail.com obrigado

    ResponderExcluir
  74. ola eu chamo me pedro e tenho uns ataques de ves emquando comesa me a faltar a vista depois deixo de sentir o braço direito e paralisa me a cara depois fico com bastantes dores de cabeça nas fontes e só me aptece dormir e começo a ouvir as coisas tipo ao fundo do tunel. ja me disseram que é anciedade será que me podem dar uma certeza e ajudar por favor ? isto é muito deluroso :(
    se quiserem deixo aqui o meu email pedro.duarte.19@hotmail.com obrigado

    ResponderExcluir
  75. ola eu chamo me pedro e tenho uns ataques de ves emquando comesa me a faltar a vista depois deixo de sentir o braço direito e paralisa me a cara depois fico com bastantes dores de cabeça nas fontes e só me aptece dormir e começo a ouvir as coisas tipo ao fundo do tunel. ja me disseram que é anciedade será que me podem dar uma certeza e ajudar por favor ? isto é muito deluroso :(
    se quiserem deixo aqui o meu email pedro.duarte.19@hotmail.com obrigado

    ResponderExcluir
  76. Sou Marcos, passei estou passando pelo transtorno da ansiedade e hoje estou bem melhor as sensações que eu sentia hoje são bem menores do que eram no começo... Fiz por um tempo psicoterapia mas acho que não me ajudou de nada....Nunca vi entrar numa sala e falar minha vida completa e não ter uma resposta... Mas com muita conversa com amigos e com minha famlia as coisas começaram a voltar pro lugar... Acho que tudo que está no BLOG é válido... Yoga ou meditação é algo muito bom... A igreja também me ajudou bastante... Vale lembrar que nada é MILAGRE tudo vale como uma reflexão e querendo ou não saimos dali bem mais fortalecido...
    Abração
    valeu pelo blog e pelas dicas...

    ResponderExcluir
  77. Sou Marcos, passei estou passando pelo transtorno da ansiedade e hoje estou bem melhor as sensações que eu sentia hoje são bem menores do que eram no começo... Fiz por um tempo psicoterapia mas acho que não me ajudou de nada....Nunca vi entrar numa sala e falar minha vida completa e não ter uma resposta... Mas com muita conversa com amigos e com minha famlia as coisas começaram a voltar pro lugar... Acho que tudo que está no BLOG é válido... Yoga ou meditação é algo muito bom... A igreja também me ajudou bastante... Vale lembrar que nada é MILAGRE tudo vale como uma reflexão e querendo ou não saimos dali bem mais fortalecido...
    Abração
    valeu pelo blog e pelas dicas...

    ResponderExcluir
  78. Nota 10..
    Valeu pelas dicas...

    ResponderExcluir
  79. Boa noite, eu acho que sofro desse síndrome, porque eu não consigo encontrar-me cm alguém rapaz amorosamente, conseguir consigo, mas dá-me muitos ataques de pânico e stress...penso sempre em coisas negativas, e não consigo superar isso , o que é muito para uma adolescente como eu ....
    se eu não conseguir superar isto nunca mais vou ser feliz.... para alem disso ainda consigo por todos os defeitos possíveis e imaginários no rapaz ...só para não conseguir sentir nada ....tenho um coração de pedra .
    Já reduzi nos cafés e na coca cola e mesmo assim não resulta.....

    Beijos

    ResponderExcluir
  80. ae vlw mesmo ate agora pouco estava tendo isso batimento do coração mais forte(acelerado) tremendo,com medo,suando e com respiração pesada
    mas depois q li o blog e comentarios me senti muito beem graças a Deus existe pessoas q se preocupam com outras como vcs*---* tenho q agradecer primeiramente a Deus e vcs por me ajudarem vlw gente vamos superar isso com fé em Deus! Jesus Cristo não deixa seus filhos desampardos nunca! FORÇA GALERA!

    ResponderExcluir
  81. Olá!

    Sou bastante ansioso e gostei muito do blog. Apesar de comentários contrários, eu acredito que rezar (ou orar) pode ser uma ótima forma de se alcançar um pouco de paz interior, pois rezar é também uma forma de meditação. Já tomei alguns medicamentos que não surtiram efeito (receitados por psiquiátras). Acho que a farmacologia ainda tem muito a avançar nesta questão. E talvez também seja uma tarefa nossa procurar uma solução.

    =D

    ResponderExcluir
  82. Oi eu sou o Gustavo tenho 22 anos...ultimamente tenho sofrido com o transtorno da ansiedade...fazem 2 meses mais ou menos...e gostaria que vcs me ajudasem a esclarecer algumas duvidas minhas...eu vejo o pessoal dizer muito que o coração acelera...ou meu ja acelerou em cituaçoes de panico...agora em cituaçoes normais principalmente qd me deito o meu coração bate muito forte..como se estivesse batendo normal so que muito forte..se eu olha pro meu peito eu vejo mexer...eu jah estou indo para o piscicologo mais meu pai nao quer q eu tome anti-depressivos eu gostaria que alguem me aconcelha-se com isso tmb
    abrigado a todos que virem meu comentario e que possam me ajudar..

    ResponderExcluir
  83. Olá meu nome é Natali
    devido ao uma viagem para fora do pais,com minha irma ,fiquei doente e descobri que estava com pneumonia...comecei a tomar antibioticos ,mas os meus pensamentos sobre ficar boa eram muito negativos
    eu ficava me perguntando sera que isso vai sarar?por falta de apoio e com muito medo de morrer, consegui voltar ao brasil e consultar novamente os medicos disseram que era asma e rinite e me passaram milhoes de remedios ...dois meses se passaram ,e a rinite e sinosite(na verdade nao tinha asma _)nao melhoraram ,ja nao sei mais o que fazer?? , nao sinto mais vontade de sair e fazer mais nada ,fico 24 horas com o problema na cabeça...acho que a ansiedade de querer ficar boa esta me atrapalhando na recuperacão ; estou indo na pscicologa,mas nao ta me ajudando muito ...preciso arrumar uma outra mais alegre e tambem estou tomando remedicos homeopaticos para a ansiedade ..Nao ha nada melhor que o tempo para nos curar dessa ansiedade terrivel...parabens pelo blog e que todos fiquem bem!Fiquem com DEUS!!:d

    ResponderExcluir
  84. Obrigado por este post, estando eu a viver uma crise de ansiedade isto vai fazr muito jeito no futuro... Mais uma vez obrigado

    ResponderExcluir
  85. olá,meu nome é erika e achei o blog muito esclarecedor,e melhor ainda foi os comentarios nele postado,pois eu não tenho ansiedade,nem sindrome do panico nem nada disso,mas uma pessoa q amo muito sofre desse mal,e saber q as pessoas podem sim,superar isso,me ajudou bastante,pois as vezes essa pessoa quer desistir da luta por não conseguir progredir.
    gostaria q alguem me ajudasse nessa questão,pois sei q não depende de mim,mas quero saber o q fazer ou o que dizer em momentos como esses?!
    parabens pelo blog,e parabens a todos q estão superando esse mal,continuem firme,vcs são o espelho de quem esta perdido...

    ResponderExcluir
  86. OLA gostei muito de seu blog e comentarios .
    Criei um BLOG também ,e coloquei uma matéria sobre ANSIEDADE ,se puder dê uma olhadinha .
    Sou especialista em nutrição saudavel e ajudo muitas pessoas ,gratuitamente .
    BLOG DIETAS .
    http://dietasaudavel1.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  87. Parabéns pela iniciativa do blog, é bom sabermos que não estamos sozinhos e existe tantas pessoas com esse mesmo problema, infelizmente, estamos aqui compartilhando de experiências ruins. Quando criança, eu era muito medrosa, ficava com medos irracionais, medo de ficar cega, qualquer coisa do tipo, mas acredito que uma das causas, era porque me sentia desprotegida, devida as constantes brigas dos meus pais, e da minha mãe viajar muito. Depois com o tempo,na adolescência acredito que superei bem isso, pois comecei a frequentar festas raves.. mas acabei por experimentar algumas drogas que no futuro desencadeou mais ainda. Hoje abomino qualquer tipo de droga, pois traumatizei rs, e vivo uma vida normal, não tenho problemas de relacionamento, embora as vezes seja um pouco tímida, e sou feliz, só que ás vezes vem pensamentos terríveis que me deixam ansiosa.. e sempre fico com receio de sair de casa sozinha, pois tenho um pouco de fobia social, só que tento encarar de frente o problema, a única coisa que me chateia ás vezes, é o fato de fazer algo tão simples, como ir a padaria próximo da minha casa, precisar ser uma coisa trabalhada, e não algo tão natural como beber água. Mas com fé e luta vou conseguir controlar as minhas emoções e não deixar elas me controlarem.

    ResponderExcluir
  88. Acredito também, que as crises de ansiedade, tem muito a ver com o momento pelo qual estamos passando, assim como o foco de nossos pensamentos. Quando preciso fazer algo, mesmo que seja simples, tipo ir a padaria perto de casa, ou ir a casa de alguém, sempre procuro ruas mais isoladas, com poucos carros e pessoas, pois geralmente quando tô em lugares movimentados ou cheio de pessoas,sinto como se a atenção estivesse em mim, e ai vem a terrível crise, que combato me distraindo, seja olhando fixamente para o semáforo, ou mexendo no meu celular. Mas percebi que outro dia estava com uma amiga passando por ruas as quais eu ja tive as crises e portanto eu evitaria, e não tive nada, pelo simples fato de estar ali conversando com ela, e não prestar atenção em mim. Assim como, uma vez a dois anos atras, estava dentro de uma van no Rio de Janeiro em pleno carnaval e mais de mil pessoas do lado de fora, e o trânsito congestionado, e estava feliz e não senti nada. Então a fobia social assim como outras fobias, estão muito relacionadas com a forma como pensamos, o foco que damos a coisas irrelevantes, a baixa auto estima, a inferioridade... a sentimentos de culpa. temos que tentar nos conhecer e nos amarmos e ver que somos apenas um figurante na sociedade, a atenção não está exclusiva focada para nós, assim como, não estamos sozinhos, e as pessoas são solidárias, se você passar mal algum estranho irá te ajudar. Boa sorte a todos nós, e vamos tentar enxergar de verdade, dentro de nós, que tudo isso não passa de bobagens da nossa cabeça.

    ResponderExcluir
  89. Li com atençao tudo o q se disse.
    Acho q esta ansiedade se plasma ja no ventre materno.
    Dp ´na educaçao perfeccionista e noutros conceitos, a ansiedade vai aumentando.
    Na luta pela realizaçao pessoal ,a ansiedade e o stress aumentam.
    Acho sempre qua ansiedade começa no espirito e somatiza no corpo.
    Qd somos mais velhos, ficamos menos resistentes e o sofrimento redobra.
    Na realidade, drogas é a soluçao mais materialista e agressiva, pq para fazer bem a uma coisa, ocorrem os efeitos colaterais.
    A psicoterapia seria a ajuda mais suave ,mas ela é cara e demorada.
    Entao , para mim q mt sofro com esta coisa dos medos e da ansiedade, uso medicamentos, terapia e sobretudo..oraçao ,pq sou corpo ,mas tb espirito e isso apazigua a minha alma!
    Se houvesse mais amor e solidariedade no mundo , haveria mt menos ansiedade. Tento encontrar me por dentro e se possivel, dialogar com quem me entendo . Isso tb ajuda ,mas nem sp se encontra...
    É bom podermos trocar experiencias das nossas vidas pvezes cheias de solidao. Obrigada a todos e a dona do blog Tb tenho 1 blog q fala da vida :
    http://lucinda-umaponteparaoinfinito.blogspot.com
    se quiserem aparecer por la , da me mt alegria. Tb podem deixar comentario q lhes agradeço. Linda

    ResponderExcluir
  90. OLa pessoal parabens pelo blog adorei, olha ja tive 2 crise de panico e foi horrivel achei que ia morrer ali mesmo sem ajuda, mais percebi que quando estou com crise se eu fechar os olhos e respirar fundo ele some bem rapido e agora ja esta sumindo desaparecendo aos poucos o que antes me deixava em panico hoje me da um medinho mais da pra controlar sem preocupações ( esta merda de panico nao mata so assusta ) que tal nos assustarmos ele tambem tipo ele vem nao demos a minima ele some e nao volta mais pelo mesmo motivo !!! abraços e boa sorte a todos posto aqui meu msn para conversar com quem tambem esta passando pelo mesmo problema f_symantec@hotmail.com !!!

    ResponderExcluir
  91. Estava sentindo uma crise de TP,e resolvi buscar informações na internet,me ajudou muito,relaxei bastante.Parabéns.

    ResponderExcluir
  92. Parabéns pelo blog.

    As dicas aqui descritas são situações que de facto ajudam imenso, apesar de saber pessoalmente que o que custa é conseguir fazê-las na hora em que a ansiedade é incontrolável.
    Este problema é muito mais comum do que parece, e é algo que muitas vezes não desaparece completamente, mas aprendemos a lidar com ele simplesmente.

    ResponderExcluir
  93. Muito Boa a iniciativa já levo umas dicas para o combate K-1 de amanha =X este stress e ansiedade antes do mesmo uiiii....



    Cumprimentos Kevin Costa

    ResponderExcluir
  94. ola, eu eu tenho 35 anos e sofro de disturbio de ansiedade desde os 25. A primeira vez eu senti numa crise de abstinencia de formulas para emagrecer, o problema é que eu estava viciada e nao conseguia largar a anfetamina, entao continuei a tomar. Aos 30 anos resolvi parar de vez. A partir dai o tormento em minha vida começou. sempre fazendo tratamento com antidepressivo, e quando paro nao demora muito as crises voltam. Tive crise durante a gravidez, no pos parto, e agora recentemente estou em crise. Esta ultima crise começou, quando eu estava me sentindo sufocada e o medico me receitou fluxetina, no 5° dia apos o inicio do tratamento, tive uma crise tao forte que a medicaçao foi suspensa, a partir dai estou ha seis meses nessa angustia sem fim. Agora estou tomando citalopram e ansitec e estou me sentindo um pouco melhor, porem estou muito nervosa e insegura ainda, estou fazendo suplementaçao com omega 3 que ouvi dizer que é bom, pois acredito que na epoca em tomava formulas meu organismo ficou bem debilitado sem vitaminas. Tambem voltei a frequentar a igreja na esperança de que Deus me perdoe pelo que fiz ao meu organismo. Espero que o tratamento seja breve e que descubram logo a cura pra esse mal que atinge justamente o ponto mais fraco do ser humano que é o emocional.
    Desejo muita força pra todos.

    ResponderExcluir
  95. Parabéns pelo texto e pelas dicas! Sempre fui ansioso em relação as novidades e ficava fantasiando o que iria acontecer positiva ou negativamente.
    No prósimo mês (01/2011) estarei mudando de estado (vou de SP para MG) e isso tem me tirado o sono. Estava pensando em ir ao médico amanhã mesmo e pedir-lhe uma receita de DIAZEPAN, porém, depois de ler o que vc publicou vou partir para os métodos alternativos.
    Muito Obrigado!

    ResponderExcluir
  96. olá.. meu nome é Elias . estou muito feliz com esse texto, essas dicas.. estava tendo um ataque de ansiedade quando resolvi procurar técnicas de controle.. Obrigado .. me ajudou muito

    ResponderExcluir
  97. Gostei do blog, achei por acaso, venho pesquisando sobre ansiedade a alguns meses devido a uma crise que senti certo dia voltando da faculdade. Ler sobre o assunto me ajudou bastante e descobri que venho sentindo os sintomas a muito tempo é como se os sintomas estivesse enchendo um copo que veio transbordar aagora.
    Uma dia que eu segui foi fazer exames, diversos para constar realmente que você não tem nada de grave e que é apenas uma crise que com certeza pode ser controlada, eu mesmo fiz exames com cardiologistas e neurologistas e graças a deus não deu resultado algum. Eu cheguei a tomar um antidepressivo que me ajudou bastante e com certeza um psicologo é fundamental, apesar de ainda esta em tratamente me sinto bem melhor, procuro não ficar pensando muito nisso e nem no que já passou, prefiro pensar que sou uma pessoal normal e vencedora por ter uma ótima familia, uma ótima namorada, e um Deus maravilhoso.
    Desejo a todos que passar por essa crise muito boa sorte, fé, e confiança que tudo vai da certo.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  98. Tive a primeira crise de panico aos 15 anos e como morava na roça nem eu e minha família sabíamos de fata o que se passava comigo. Lembro que nos momentos de crise eu só repitia que ia morrer devido as batidas tão aceleradas e intensas do meu coração. Perdi anos na escola e tive que conviver toda a minha adolescença aquele inferno. Só descobri de fato o que quando mudei para uma metrópole e tive uma consulta com um psiquiatra. Mas sempre recusei o tratamento a base de rémédio. Até que conheci a IURD e através da fé me libertei e passei muitos anos sem sentir nada. Até que um dia tive uma grande deilusão amorosa e cair numa tremenda depressão e as crises voltaram. Com o uso da fé novamente desapareceram. Hoje aos 33 anos descobri que as crises se desencadeiam sempre após uma grande decpção. Pois atualmente estou passando pelo mesmo drama. Mas dessa vez decidi buscar ajuda terapêutica. Pela fé é possível mas exige tempo e perseverança.

    ResponderExcluir
  99. Olá Gente...sempre fui uma pessoa medrosa, desde criança...mas me curei dos meus medos bestas a medida em que fui crescendo. No entanto, no fundo sempre fui ansiosa, só que de uma forma normal, como qualquer outra pessoa. Começei a ter crises a 8 meses atrás, quando passei quase 1 mês esperando o resultado do diagnóstico de uma doença...e como nunca fui muito de esperar...acabei desenvolvendo síndrome da ansiedade pelo simples fato de eu poder estar doente, e esta dúvida para mim, foi pior do que se eu estivesse ouvido o diagnóstico de uma vez...parei no hospital 2 veses...a mais séria foi dentro do ônibus quando senti minha cabeça mãos e pernas dormentes, palpitações, suor frio, acocho na garganta (que é o pior sintoma) e meus dedos ficaram duros...que eu não conseguia nem dobrá-los. Tomei um remédio por um tempo e estou bem melhor...agora procurarei outras alternativas para complementar o tratamento, alguma terapia...é bom saber que existe cura e/ou controle para essa doença, que me trouxe tanta tristeza...queria dizer que agora estou bem melhor e agradeço a dona do blog pela inteligente iniciativa de desenvolver este espaço para que possamos desabafar e dividir experiências!

    Obrigada!

    Abraço a todos

    Ana K. 23 anos

    ResponderExcluir
  100. Tenho 21 anos e descobri há poucos meses ser portador de algo (não sei se Ansiedade ou Transtorno do Pânico... o psiquiatra não soube confirmar).

    Tive alguns sintomas físicos, fui parar em hospital, fiz exames e deu tudo normal. Depois, fui dominado por pensamentos horrendos, desrealizações, medo de matar minha namorada, me matar, morrer, etc.

    Procurei um psiquiatra, tomei ansiolíticos por algum tempo e não me senti recuperado. Daí parti para a psicoterapia aliada a antidepressivos.

    Hoje, 7 meses depois, posso dizer que melhorei uns 60%. Até porque a melhora total é muito distante. Ainda tenho crises, de dois em dois meses, em média, mas aí recorro ao ansiolítico e me sinto melhor novamente.

    Enfim, é um inferno. Quem não tem pensa que é frescura, exagero; mas nossa vida não é nada fácil. Tenho uma noiva que amo muito e que me dá apoio nesses momentos. Acho que somente com fé, esperança e apoio médico podemos melhorar.

    Todos os dias peço a Deus para que ele me ajude na recuperação.

    ResponderExcluir
  101. Isto realmente é um inferno.
    Bem que tento me distrair com qualquer coisa, mas não tem dado resultado.
    Há dias em que me sinto melhor, mas outros ( o que é o caso de hoje ) que até medo de dormir eu tenho.

    Obrigada pelo seu blog

    ResponderExcluir
  102. Vanessa entra em contato comigo , estou passando pela msm situação e saber que naum estou sozinha é uma alivio ,é dificil encontrar pessoas que entendam,Liliam 23 lylathegirl@hotmail.com email e msn

    ResponderExcluir
  103. Sempre fui medrosa ,mas não sabia que isso poderia ser4 um problema ,não conhecia nada disso até ir parar no pronto socorro porq nãum conseguia dormir tive a primeira crise de tp a sensação foi horrivel a pior que passei na minha vida tive outras crises depois mas naum como aquela que a medica ja disse pra mim quando cheguei la e ouvi o diagnostico que eu tinha perdido o controle da minha vida e que eu estava num estado cronico de ansiedade , ai as coisas começaram se encaixa , me3ses antes eu sentia taquicardia , muitas dores de cabeça , dores fortes no peito , ......... quatro meses depois luto para p0der sair de casa ao menos pra fazer minhas coisas ,mas é dificil , tenho medo de sair sozinha , e ainda sinto muitos sintomas nunca pensei que a ansiedade pudesse mudar tanto a vida de uma pessoa quanto esta mudando a minha , fico triste e choro muito em saber que as coisas simples eu naum consigo fazer as vezes eu penso como gostaria de ser uma pessoa normal quando vj jovens da minha idade viajarem e se divertirem , nem consigo ao menos namorar porq as pessoas naum entendem , isso me exclui cada vez mais ....ate medo de dormi agente tem é bom saber que existem historias identicas as vzs a minha , fiquei surpresa em ver o tanto ., Isso traz um grande alivio ,.Se tiver alguem que esteja afim de coversar sobre adc lylathegirl@hotmail.com

    ResponderExcluir
  104. Eu tenho a síndrome do pânico mas ela não me tem: Gente, sei de tudo o que vcs falaram nos seus posts... Eu tive a minha prieira crise no carnaval de 2001, no meio da estrada e por pouco meu carro não foi atropelado por um caminhão. PArei no hospital inúmeras vezes e todas as vezes que eu lá chegava as crises já haviam passado e os médicos me olhavam com cara de que eu estava dando chilique e que eu não tinha nada. Um chegou a me dizer que eu estava de gracinha. Bom, a dez anos atrás eram poucos os médicos que entendiam esse distúrbio.
    Inconformada, arrasada, chateada e humilhada, tinha crises cada vez piores. Nessa época tinha uma filha de dois anos de idade e tudo que pedia em minhas orações era que se eu estivesse perto de morrer que Deus me deixasse ao menos ver minha filha crescer.
    Até que um dia fui em um médico bem mais velho e ele me examinou e me disse, minha filha, vc tem síndrome do pânico e eu tenho três coisas para lhe dizer uma ruim e duas boas qual vc quer ouvir primeiro: e eu escolhi as boas então ele me disse: a doença que vc tem é tratável e vc não vai morrer disso, pelo menos até hoje ninguém morreu de pânico. E aí eu disse e a ruim: e ele: a síndrome do pânico não tem cura. MAs dá pra amenizar os problemas e muitas vezes vc nem vai os sentir nunca mais. Daí eu comecei um tratamento de dois anos. Tomava Amytril ( o que me fez engordar muito) mas não tive nenhuma crise por 9 anos. Ano passado meu médico morreu e aí eu fiquei muito deprimida e as crises voltaram, tenho medo de nunca mais encontrar um médico que me trate e esteja disponível quando eu precisar e realmente não o encontrei... MAs hoje sei que não vou morrer disso e procuro não correr pro hospital... Claro, vontade não me falta... mas criar aquele ciruculo vicioso que eu estava em 2001 nem pensar... afinal u tenho a síndrome do pânico mas ela não me tem. NUNCA... Bjs a todos.

    ResponderExcluir
  105. Muito bom seu site ou blog,bem organizado bem escrito,boas dicas,meus parabens!

    ResponderExcluir
  106. Olá, inflizmente, muita gente tem problemas com isto com a ansiedade... eu ja tive algum tempo com ansiedade, varios sintomas, tremuras, falta de energia, cheguei a desmaiar, contracções musculares, e depois andei bem uma fase, mas agora parece que tudo quer voltar de novo..SO QUE ANDO PREOCUPADA COM O NOVO SINTOMA, UMA DOR NÃO FORTE DE CABEÇA ACOMPANHADA DE UM GÉNERO DE FRIO LOCALIZADO, AS VEZES UMAS PICADAS SUAVES, MAS MUITO INCOMODATIVO E TENHO MEDO QUE SEJA ALGO GRAVE E NAO TENHA HAVER CM A ANSIEDADE. ALGUEM ME PODE AJUDAR????????????????? OBRIGADA

    ResponderExcluir
  107. Bom, no caso do comentário acima, sugiro que vc procure um médico, pois, são sintomas sérios, que não podem ser ignorados.
    Bom, meu caso acredito que seja um pouco comum. Fico estremamente nervosa quando tenho que me pronunciar em público, sabe, quando todas as atenções se voltam pra mim, suo frio, meu coração parece que vai saltar do peito, fico vermelha.. um horror.. haha .. e engraçado..que uma colocação que a autora fez lá em cima me chamou a atenção.. diz que temos que tirar um pouco a atenção de nós mesmos.. ás vezes estamos tão preocupados com a nossa imagem, com o que vão falar ou pensar de nós, que ficamos fantasiando coisas que nos impedem de agir naturalmente!!
    Vou refletir muito nessa frase.. ela á a chave para se livrar deste tipo de ansiedade!

    ResponderExcluir
  108. A ansiedade é o mal deste século.
    O grande problema da Síndrome do Pânico é que quando você está se acostumando com os sintomas, que o medo já está diminuindo, aparece um novo sintoma que te faz duvidar que o que vc tem é "só" ansiedade.
    Aqueles que sofrem desse mal, o conselho que dou é que acreditem que isso pode acabar. A pior coisa pra mim era pensar que talvez tivesse que viver o resto da minha vida com isso.
    Acreditem, se vocês diminuírem a ansiedade, a sindrome do pânico vai embora.
    Não é algo que vai acontecer do dia pra noite. Ninguém dorme com sindrome do pânico e acorda sem. A melhora é gradual. Existem recaídas. Mas é possível superar isso. Pratiquem algum esporte, se alimentem bem, façam coisas agradáveis, pois tudo isso ajuda. POR FAVOR, ACREDITEM EM DEUS, EM VOCÊS E NA CURA. NUNCA ENTREGUEM OS PONTOS.
    ISSO TAMBÉM VAI PASSAR

    ResponderExcluir
  109. Muito obrigada pelos comentários de todos! Este último me tocou bastante, é isso mesmo, o pânico pode ser controlado e combater a ansiedade é essencial!!
    "Pratiquem algum esporte, se alimentem bem, façam coisas agradáveis, pois tudo isso ajuda."
    Falou e disse!!!

    ResponderExcluir
  110. Achei muito interessantes e úteis as informações/conselhos do Blog. Parabéns por essa iniciativa e acho que vai ser de grande importância pra muitas pessoas que não estão informadas a respeito da ansiedade e de seus efeitos no dia-a-dia. Obrigado

    ResponderExcluir
  111. naõ consigo ficar em emprego nenhu por causa da minh ansiedade.

    ResponderExcluir
  112. acho que essa anciedade nunca vai amenizar se vc sabe como amenizra ancidade por favor poste para me ajuda obriga do

    ResponderExcluir
  113. olha em primeiro lugar parabens por querer tentar resolver esse problema .eu sempre tive problemas de asiedade quase fiquei depressiva mais proucurei um medico me passou um remedio mais de 10% amenisou so 3% da minha ansiedade,+ nao desisti proucurei na internet varios jeitos de amenisar a ansiedade como...
    1-proucurar tomar banhos quentes com oleos naturais ajuda a acalmar o corpo.
    2-respire e quante ate 10 se a ansiedade aumentar
    3-proucure nao se estressar
    e o melhor proucure ser calmo e nao assalte a geladeira se a ansiedade apertar ta!!valeu

    ResponderExcluir
  114. É bom saber que existem dezenas de pessoas sentindo o mesmo que eu. As vezes imagino que estou num sonho e que não vai passar.

    ResponderExcluir
  115. Andrew, também acho reconfortante saber que outras pessoas passam pelo mesmo problema que eu, assim me sinto menos "diferente".. ou maluca mesmo. rss
    Claro que não desejo isso a ninguém, mas que é bom saber que não estamos sós, isso é. Definitivamente, não é coisa DA nossa coisa. Mas sim, uma coisa NA nossa cabeça, o que é bem diferente (caramba, essa conclusão foi boa, heim?)
    Boa sorte na sua caminhada, tenha coragem e obrigada por ler e comentar meu blog.
    Força para todos nós!

    ResponderExcluir
  116. oi pesoal fiquei feliz por encontrar pessoas que me entendam verdadeiramente e sabem como é dificil viver assim tenho 25 anos e tenho estes problemashá 5 anos tenho mt recaidas e estou neum momento destes e gostarias mt de conversar com pessoas q possam conversar e me dar ânimo pra continuar.
    caso alguem queira segue meu msn pra entrar em contato bjs a tds e força pra nós...

    ResponderExcluir
  117. desc esqueci meu msn kkk afinal é mt emoção kkkk
    bianca_saez@hotmail.com

    ResponderExcluir
  118. LEGAL SEUS COMENTARIOS ACREDITO Q IRA NOS AJUDAR MUITO VALEU DEUS TE ABENÇOE.

    ResponderExcluir
  119. Boa tarde, tudo bem?

    Eu acho que o problema da ansiedade prende-se exclusivamente com o computador e o telemóvel, com os aparelhos electrónicos em geral.
    Até a musica pode ser uma fonte de ansiedade.
    Respondendo aqui a alguns comentarios, o vosso cerebro é igual e normal.
    Para se libertarem da ansiedade, escrevam e tentem se lembrar daquilo que vos causou sensacoes más, escrevam e SEJAM SINCEROS sem corrigir as palavras, digam aos vossos amigos, falem disso de maneira sincera.
    Outras situações que já experienciei.
    Deitem-se ás 22 horas da noite, e acordem todos os dias ás 5.30.
    Quando acordam devem saltar logo da cama e não estar na cama.
    Façam desporto de manha.
    Comam em poucas quantidades.
    Se fizerem isto, em dois meses e a seguir certinho sofrem uma melhora grande.
    Porque acontece isso?
    Porque ao acordarem a essa hora e a contrariarem aquela sensacao de preguiça, voces começam a ganhar o controle de vos proprios.
    Comecem a falar daquilo que sentem e nao daquilo que poderá ser.
    Acho que o truque é ser realmente sincero com voces mesmos!

    Boa sorte para todos!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  120. PARABÉNS PELO BLOG, ESTAS INFORMAÇÕES, FORAM MUITO PRECIOSAS, QUE DEUS POSSA RECOMPENSA-LÁ. UM ABRAÇO, GUEDES

    ResponderExcluir
  121. Mestre: boas dicas!!

    Guedes: obrigada, minha recompensa é o bem estar de todos! Volte sempre.

    ResponderExcluir
  122. Muito obrigado. Acabei de ler, e ainda não tive oportunidade de aplicar, mas suas dicas são muito boas.
    Seguindo-as e andando junto com Jesus Cristo, tenho certeza que conseguirei passar por essa fase difícil da minha vida.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
  123. Eu realmente me sentia péssimo na crises. Não queria sair, tinha medo do que os outros iam pensar.. justamente quando desisti de ir contra tudo isso é que comecei a melhorar e hj quando tenho alguma coisa vejo como algo positivo que me diferencia da grande maioria.

    []'s

    ResponderExcluir
  124. Olá....adorei td que li no site, no momento passo por esse transtorno mas sei que logo vai passa, graças as dicas que peguei de vcs.....

    ResponderExcluir
  125. É pessoal ainda bem q não estou so tenho umas crises dessa d vez em quando mim pego com DEUS e na confiança q uma hora ela vai embora com FÉ em DEUS.Todo nessa vida passa tanto a alegria como a tristeza . Abraçoooooooo

    ResponderExcluir
  126. Atéum tempo atrás tinha transtorno do pânico, e sei como é cada detalhe da doença, como é terrível, cada sensação um dorzinha no peito é interpretada com a pior coisa, a dificuldade em dormir, o medo de ter outra crise me deixava sempre ansiosa. Comecei a me limpar de tudo que me atrasava, comecei a ser menos perfeccionista, Deus nos fez saúdaveis, perfeitos, e Ele mais que ninguém conhece cada parte do seu corpo, sua alma e espirito, se entregue a ele, Jesus já levou esse pânico na cruz, sei que não é fácil, é algo continuo, mas que o sangue de Cristo nas nossas vidas tem o poder de cura, procure sim uma terapia tenha acompanhamento de um profissional, mas não se esqueça do médico dos médicos, Jesus, ele pode e vai te libertar, assim como me curou e me libertou, assim como tem cuidado de mim toda vez... Creia, se entregue a ele, faça isso diariamente, coloque seus medos e ansiedades diante do senhor, ele não deixa nem os pássaros morrerem de fome, imagina nós, voçê pode vencer, delcare isso, se jogue nos braçs de Cristo!

    ResponderExcluir
  127. Olá tenho 25 anos e descobri a crise de ansiedade em 2009. Falta de ar, formigamento na parte superior da cabeça, coração acelerado, sudorese, tontura, uma ardência no esôfago, olhos ardendo, boca seca, parece que o organismo passa a absorver todo o líquido da sua cara, facilitando alergias. Não conseguia dormir e me desesperei. Sempre fui muito pessimista, não conseguia me sentir bem num ambiente agradável sem pensar numa notícia ruim eminente do tipo "ironia do destino". Perdi meu pai em 98 e minha mãe em 2004. Justamente na época que iniciava a faculdade. Porém decifrei que um pouco disso já era notado quando criança: dor de barriga, sempre roí unhas, inquietação nas pernas, tudo isso aparecia nas épocas de prova. Tentava ser um aluno exemplar, exigia muito de mim para não decepcionar quem me admirava, mas sofria com isso. Não sabia o que era. Fiz alguns exames, mas nada resolvia, até me receitaram remédios de outras patologias que coincidiam com meus sintomas. Não os tomei depois que descobri 90% dos meus sintomas no google, hipótese que nenhum dos médicos abordaram. Passei 2010 com alguns sintomas exporádicos que voltaram no mês de abril de 2011. E foi foda! Alguns acontecimentos na família como dois assaltos, acidente de carro, doenças passageiras, atraso de 3 meses no pagamento da minha bolsa de graduação somadas a descoberta de moscas volantes na vista, passei a me preocupar com os sintomas de descolamento de retina pois tenho médio grau de miopia. Isso unido me levou a uma dor de cabeça, sensibilidade a luz, não conseguia ficar ao computador 5 minutos. A tontura ea maior, não me sentia seguro a sair de casa, estranhava meu corpo, via o ambiente como mero expectador, situação de quase desdobramento. Que coisa difícil de explicar. Fui a sessões de tratamento espiritual, reiki, venho lendo e ouvindo mais sobre auto-cura, Gasparetto é uma boa pedida, mas ainda não fui num psicólogo ou psiquiatra. Estou melhorando aos poucos e tenho convicção que sou mais forte e que o cérebro humano tem super poder em nosso corpo físico.
    Valeu!

    ResponderExcluir
  128. Galera a 2 anos que tenho essa ansiedade, fiquei 1 ano sem ela mais ela estava começando a voltar... Só que com estas dicas eu vou aprender muito...
    ah! quem quizer bater um papo sobre o assunto adc ae: samya_brr@hotmail.com

    Beijãooo

    ResponderExcluir
  129. Galera a 2 anos que tenho essa ansiedade, fiquei 1 ano sem ela mais ela estava começando a voltar... Só que com estas dicas eu vou aprender muito...
    ah! quem quizer bater um papo sobre o assunto adc ae: samya_brr@hotmail.com

    Beijãooo

    ResponderExcluir
  130. Galera a 2 anos que tenho essa ansiedade, fiquei 1 ano sem ela mais ela estava começando a voltar... Só que com estas dicas eu vou aprender muito...
    ah! quem quizer bater um papo sobre o assunto adc ae: samya_brr@hotmail.com

    Beijãooo

    ResponderExcluir
  131. Galera a 2 anos que tenho essa ansiedade, fiquei 1 ano sem ela mais ela estava começando a voltar... Só que com estas dicas eu vou aprender muito...
    ah! quem quizer bater um papo sobre o assunto adc ae: samya_brr@hotmail.com

    Beijãooo

    ResponderExcluir
  132. olá a todos:

    à muito tempo que me sinto com sintomas de pânico e acreditem que a solução é mesmo respirar fundo e enfrentar os medos.
    Já me senti muito mal, com vergonha e revoltada comigo mesma. Havia alturas em que pelo simples facto de sair à rua e ver alguém meu conhecido, eu ficava ruborizada ao ponto de evitar essa pessoa e fugir. depois pensei, isto não é normal. então resolvi enfrentar este medo, e se vir alguém conhecido e ficar corada não importa. Sou uma pessoa que pensa muito no futuro. Há já algum tempo que tenho uma fobia das alturas, passar de carro em pontes altas,parece que vou cair. o mais engraçado é que se eu for a pé,não me mete tanto medo.É horrivel pois limita-me a minha deslocação.
    um abraço a todos e coragem.
    MC

    ResponderExcluir
  133. Bom dia,gostaria de agradecer muito a pessoa que elaborou esse blog,venho sofrendo de pânico a 4 anos,sempre fui muito agitada,não ansiosa,mais tive uma alteração na minha pressão num dia que estava assistindo filme de terror.
    Depois desse dia fiquei muito assustada,com muito medo de morrer,mas detalhe,eu pesava 114,5 e era muito sedentária,agora emagreci 30 kilos,só com alimentação e caminhada,faço exercicios todos os dias e continuo tomando meu remédio de pressão,a qual está controlada,e tb tomo Alprazolan de 1 mg,estou parando,pois não percebi melhora e só toxinas em meu corpo,não tomo nada que tenha cafeína,nem alcóol,cuido muito da minha alimentação,faço sempre exames cardiológicos,está tudo normal,mas esse medo de morrer não passa,estou fazendo tratamento com uma ótima psicóloga,não sei mais o que fazer,tenho consciência que não tenho nada fisicamente,mais o medo atrapalha minha vida,agradeço mais uma vez pelas informações e pelos comentários das pessoas que sofrem como eu,que Deus ajude a todos para que possamos voltar a ter uma vida normal.

    ResponderExcluir
  134. Olá!Gostei muito desse blog,e resolvi compartilhar com todos.Fico mais tranquila em saber que não sou só eu que sofro com essa patologia,se assim posso chamar.Tive uma crise em 2009 muito forte e passei até por uma fase de depressão.Então me tratei com medicação e terapia por um ano e quatro meses.Nõ tive nenhuma crise até a uma semana atrás depois de ter tido uma virose forte eu e toda minha família.E o qaue mais me deixa mal,são o enjoo e falta de apetite.Será que isso faz parte da ansiedade.Mas ja estou me controlando e ficarei bem com a graça de Deus.Parabéns pelo blog.Bjus.

    ResponderExcluir
  135. Oi gente, me chamo Carol
    tenho 20 anos e sofro de pânico, nova né para sofrer disso? Sim, é o que me questiono a todo momento, ainda mais eu que sempre fui muito ativa e independente desde nova, sempre adorei andar sozinha, ir ao shopping sozinha, ir a qualquer lugar sozinha, me sentia bem me fazia bem, e agora dependo da companhia de outras pessoas pra não passar mal e não achar que vou desmaiar na rua...Venho lutando a 1 ano mais ou menos contra isso, e só vem piorando conforme o tempo vai passando, antes não conseguia andar de onibus ou metro sozinha, depois comecei a não conseguir mais comer em publico em lugares cheios que começava a me faltar o ar e me engasgava com a comida (vergonhoso), depois comecei a não conseguir sair nem a pé sozinha na rua, as coisas foram piorando pois comecei a trazer isso pra dentro da minha vida como se fosse normal, na época em que eu não aceitava logo no começo eu controlava bem quando isso me acontecia, mas depois comecei a me acostumar a essas angustias diarias e trouxe isso como algo "normal" pro meu dia-a-dia, e não é! Bom, aos poucos tenho notado algumas melhoras, agora ja consigo comer em publico em praças de alimentação, consigo estar em lugares lotados, tenho uma vida social bacana, ainda não consigo andar sozinha, mas é só uma questão de tempo, venho trabalhando eu mesma em minha mente a positividade até porque não quero apelar para remédios, então tento eu mesma transformar essas situações de pavor e as vezes consigo, tenho certeza que é só ter dominio do pensamento, quando me sinto mal, penso que estou bem estou bem, e vou me acostumando com essa frase até que me desligo do transtorno, isso é muito mais psicologico do que fisico, acreditem, parece ser fisico pela quantidade de sintomas que acontecem...Bom agradeço a quem escreve esse blog, essas suas dicas são essenciais para alguém que queira começar a se livrar disso, pode deixar que já estou esudando parágrafo por parágrafo e seguirei rigorosamente, e vou melhorar e voltar a ser independente como antes, todos nós que estamos passando por isso, vamos!
    Obrigado gente fiquem com Deus

    ResponderExcluir
  136. Trabalho com planejamento financeiro, sempre sob muita pressão (como a maioria de vocês). Estou bem... drogado (40mg de supirida com bromazepam, 2mg de clonazepam, 20mg cloridrato de paroxetina). Eu praticava natação, maratona e ciclismo...hoje tenho 35kg a mais, pressão alta, procuro fazer musulação todos os dias, mas não está trazendo resultados. Eu entrei com tudo no tratamento químico, acreditei que isso poderia resolver o problema. Hoje, estou num ciclo pernicioso e alto destrutivo, conversei com o meu médico e vou parar de tomar essas porcarias, vou continuar com o atenolol...vou conviver com os tremores, taquicardias, perda de equilíbrio. Dane-se! Encontrar esse blog foi um fio de esperança e não tem nada a ver com a decisão que tomei. O fato é que preciso resgatar a minha vida de volta, cansei desse papel de rato de laboratório. Estou fazendo escalada, musculação e boxe...vou tentar a Yoga. Obrigado! Acabei desabafando um pouco.

    ResponderExcluir
  137. Pois e pessoal ,tenho 28 anos e continuo a viver com ansiedade ,ultimamente ando a tomar xanax e paroxetina ,tenho notado alguma diferenca mas de vez em quando entro em panico e parece que o mundo vai acabar ,agora vou fazer terapia cognitiva para tentar perceber de onde vem esta ansiedade.se alguem ja fez esta terapia gostava de saber se e boa....obrigado a todos que comentaram neste blog ,este blog da me forca por que sei que nao estou sozinho...fiquem bem ,e vivam

    ResponderExcluir
  138. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  139. olá realmente é muito triste a vida das pessoas que são muito ansiosas sei disso porque sou muito ansiosa, tem vezes que nem consigo me concentrar direito na aula e fika até díficil pra mim aprender as coisas. Mais eu acredito que vou superar isso pois basta ter força de vontade e determinaçao e o mais importante que é a fé em Deus. muito obrigada !!

    ResponderExcluir
  140. Boa noite,

    Achei bem bacana seu blog e fiquei surpresa pelo número de pessoas que sofrem de ansiedade, ou mesmo síndrome do pânico. Mas o melhor de tudo isso é sabermos que tanto a ansiedade quanto o pânico nada mais são do que projeções da nossa própria mente e como você já disse, tanto a ansiedade como o pânico não matam, não trazem nenhuma consequência física e nem psíquica, o que acontece é uma descarga de adrenalina que deixam com a sensação de cansaço. Algumas pessoas devido a ansiedade tão intensa sentem desrealização por algumas horas e até mesmo alguns dias, mas passa. O correto é você se concentrar 100% naquilo que está fazendo, deixe a sensação de medo atravessar seu corpo apenas como uma onda que bate e se desmancha, enfrentar é a principal arma, nenhuma pessoa que for de encontro ao pânico sentirá pânico, pois o simples temor em ter o pânico fará você continuar sentindo pânico. Só quem atravessa uma crise de pânico sabe do que eu estou falando, parece que vamos morrer, mas isso é só uma sensação ela de fato não traz consequência nenhuma. Tive minha primeira crise de pânico há quase dois meses, foram duas semanas de muita tortura, mas busquei conhecimento inclusive em um livro que achei na internet, comprei e me ajudou muito, vale a pena, chama-se fim do pânico, maravilhoso, me trouxe de volta. Outra coisa que fiz foi procurar um homeopata, só com a consulta me senti muito melhor, tomo cinco gotinhas de um remédio homeopático e já me sinto outra. Gente a cura existe, não se desesperem, busquem ou terapia, ou leitura, ou Yoga, mas busquem que logo sentirão a melhora.

    ResponderExcluir
  141. Oi é a 3ª vez que li o teu blog e gostei tanto!Bom Trabalho!
    Até à próxima

    ResponderExcluir
  142. bom pessoal eu tambem sofro de ansiedade mas tenho fe que vou ser sarado

    ResponderExcluir
  143. bom pessoal eu tambem sofro de ansiedade mas tenho fe que vou ser sarado

    ResponderExcluir
  144. Muito bom!!! Estou sofrendo com esse transtorno e é horrível, mas acho que com essas dicas eu vou vencer esses transtorno e seguir minha vida tranquila. Obrigado é muito bom!!!

    ResponderExcluir
  145. Tenho Transtorno de Pânico ha 6 anos e meio. Nos primeiros anos não conseguia sair de casa.. sentava-me nas filas do supermercado... neste momento sofro imenso com a ansiedade.. tenho que tomrar um ansiolítico todos os dias... estou farta de não conseguir fazer nada. Não tenho autonomia .. não consigo trabalhar porque tenho vários ataques por dia todos os dias. :/

    ResponderExcluir
  146. muito obrigado pela ajuda ,eu li estes conselhos e fiquei mais tranquilo,valeu !!!

    ResponderExcluir
  147. u estva na casa de um primo meu, tinha bebido um pouco nao demasiadamente e tb nao fiquei bebado, no outro dia pela manha levantei fui a geladeira e comesei a me sentir extranho, fui ao posto de saude e o medico me dise k eu estava ansioso de mais minhas maos ficarao frias meus pes tambem tive taqui cardiaco e pensei iria morrer, tive mais 3 crises 2 fui para o hospital com medo pois nunca tinha sentido isso fix todo tipo de exame do coraçao feses urina sangue e nao deu nada os 3 medicos diserao k eu tava cm crise de ansiedade, a minha pergunta e quanto tempo isso demora 1 2 3 meses ou mais e oque posso fazer para nao ter mais esSas crises? pois na segunda crise pensei realmente k ia morrer minha presao foi para 19 por 8 ou mais, oque e preciso fazer para evitar esse tip0 de transtorno me ajudem pois sou leigo no assunto
    podem me mandar um e-mail se possivel por favor drarrais@hotmail.com

    ResponderExcluir
  148. Gostei do seu blog, começarei a fazer esses treinos a partir dessa semana.

    ResponderExcluir
  149. Olá para todos!

    Primeiramente gostaria de agradecer e parabenizar a dona do blog pelo seu post, me ajudou muito hoje, estava um pouco perturbado pelas sensações que há muito tempo não havia sentido.

    Minha 1º crise foi aos 19 anos (tenho 23), depois de relutar muito acabei aceitando o fato e comecei a fazer tratamentos, com remédios e psicoterapia.
    Sou espírita e procurei conforto espiritual para superar isso, afinal, creio que sem a fé em Deus nenhum tipo de ajuda será completa.
    Melhorei muito e passei muito tempo sem ter crises, tive algumas recaidas, mas foram bobas...
    Ha alguns dias voltei a sentir as mesmas coisas...sensação de estar ficando louco, medo de surtar a qualquer momento, confusão mental, calor e tremedeira ao mesmo tempo e aquela palpitaçãozinha chata que todo mundo que tem TP conhece...rs

    Acredito que tudo isso tenha voltado porque eu não me policiei nos tempos tranquilos e acabei me preocupando excessivamente e me cobrando sobre algumas coisas novamente.

    Tenham fé, isso é passageiro, é uma sensação horrível, chata pra caramba, da a impressão de que não vai passar mais...mas ela passa.
    Encare ela e diga: "EU SOU MAIS FORTE, EU POSSO E EU CONSIGO!"
    Afinal, quem manda aqui sou eu! Não é mesmo!?

    Que Deus abençoe a todos e que tenhamos consciência de que isso é uma condição passageira.

    E mais uma vez, muitissimo obrigado pela mensagem de motivação e conforto. Realmente é muito bom sabermos que isso não é nenhuma anormalidade e que existem pessoas boas que se preocupam conosco.

    ResponderExcluir
  150. Olá a todos, bom, estou aqui para passar um fio de esperança a todos que sofrem com essa síndrome do pânico. Meu caso começou em 2010 depois de passar muito nervoso durante o dia, a noite comi um cachorro quente e me deitei, acordei durante a madrugada com ânsia de vômito e com a barriga estufada. Comecei a me desesperar pois achava que era o cachorro quente que estava a fazer isso. Nossa, foi horrível e acordei minha mãe e minha irmã que na época não era casada e fui com ela ao hospital. Bom, chegando lá, sempre eles dão uma injeção milagrosa que só resolve na hora a dor. Eis aí que começava meu tormento, a noite e tinha medo de dormir na minha cama pois achava que ia acontecer tudo de novo, e fui levando, mas as dores vinham durante o dia e eu ia sempre parar no hospital, o médico achou uma vez que eu havia bebido muito e por isso estava assim, deveria ser muito bom esse médico pois ele errou em tudo, eu comecei a achar que tinha câncer e comecei a tomar remédio para dores, bom a água do chuveiro me dava ânsia era uma verdadeira luta, mas como eu tinha que trabalhar, as vezes me dava um desespero horrível na rua que eu achava que ia cair ali mesmo. Durante esse tempo já descobri que era o pânico. Bom, eu vivia orando em todos os lugares e a noite eu tinha uns cristais que eu achava que eles me passaria algum tipo de energia, acho que a fé em Deus e em tudo me fazia ficar forte. Bom, comecei a ir a casa de uma amiga que me dava a maior força, sem contar a minha família, então assistia muitos filmes, muitos de terror ou comédia e isso foi melhorando, mas eu no fundo sabia que não estava bem, eu me segurava bem isso sim, mas foi passando aos poucos, daí comecei a caminhar e isso me fez o sono ir voltando lentamente, mas meu horário de dormir começou a ser outro até hoje. Bom, durante bom tempo não tive mais nada até sofrer dois assaltos no mesmo ano, então meus colegas, começou o desespero de novo, como eu evito ao máximo tomar remédios, me segurava mas tive que ceder, mas isso passou logo, pois amo tudo que é tecnologia e isso me distraia, e passou novamente até um dia eu cochilar na sala e acordar com desespero de morrer aquela hora, bom quem tem isso sabe como é, mas a gente não morre, temos o coração muito bom, pois ele suporta cada tranco,bom passou rápido dessa outra vez,mas tudo com intervalo de anos aconteceu essas crises. A primeira deve ter durado quase um ano, a segunda um mês a terceira mais um mês e ai vai. Masss, lá vem, semana passada eu resolvi dar uma olhada nas fotos de uma ex amiga que não converso mais, como eu já estava com um sintoma meio estranho que poderia morrer naquele dia, fui ver as fotos e vi que ela havia capotado o carro e ela e a filha não tinha sofrido nada, mas isso me deu uma crise muito feia, nossa, foi muito forte,como já sei lidar com isso, comecei a respirar até o fundo lentamente e andar pelos corredores da casa até acalmar um pouco, bom,se não melhorasse eu ia ao médico de plantão para resolver isso, tomei um comprimidinho e consegui dormir,mas ai sabe como é, até passar o susto demora pois o mesmo carro que ela capotou eu sofri dois pequenos acidentes junto com ela sem nada sofrer, e o susto é ruim, pois foi a noite, geralmente a hora que a gente acha que esta sozinho, estou tomando um remédio bem fraquinho só para dar uma melhorada na ansiedade,mas em vista das outras vezes esta sendo mais controlado. Bom, eu mesmo não estando muitooo bem, digo a eu mesmo que isso passa como passou das outras vezes e se Deus permitir para sempre. Só quero a dizer a todos vocês que há sim um luz no túnel, que todos temos um ótimo coração e que ele está ai para pular mas de alegrias, pois há cura sim, mas ela esta dentro de nós. Eu ouço nesses dias uma música que se vocês quiserem baixar ou ver no Youtube que se chama: What it com kate Winslet, essa música me passa uma certa paz, e vamos que vamos, continua................

    ResponderExcluir
  151. olá, pessoal
    estou passando por esse transtorno que parece tomar conta de mim, mas estou tentando vencer de alguma forma, minha mãe tem esse problema faz muito tempo, eu achava que era moleza dela, chegava até ficar nervosa com ela, mas hoje sinto o quanto isso é terrivel, peço à Deus que liberte todos nós desse pesadelo.

    ResponderExcluir
  152. eu sofro de Ansiedade desde criança, e isso me desencadeou uma Sindrome do Panico. Hoje tenho 24 anos, e ainda sofro disso. Começei a tomar Fluxotina a pedido da minha médica, faz 15 dias , mas a semana passada fiquei 4 dias boas, ai essa semana , voltou de novo, mais fraca claro, mas voltou. Sinto um medo , uma angustia dentro de mim, uma vontade de sair correndo, sei la, as vezes cheguei a pensar q estava ficando louca. Bem se alguém ja passou por isso ou esta passando e tomou essa medicação, quizer trocar idéias , vou passar meu email Dayamoreyravyeyra@yahoo.com.br. aguardo.

    ResponderExcluir
  153. O blog realmente está muito bom, da mais confiança, que isso é superavel. Essas coisas são muito ruins mesmo, a pessoa se sente estranha, tem medo de sair, fica pensando negativo, tem medo de fazer as coisas, mas aos poucos vamos vendo que tem muita gente com isso, e isso é superavel, é só uma fase, mas com certeza passa, só é temos fé e enfrentar os problemas, se voçê tiver com medo de fazer as coisas faça, que aos poucos voçê vai tendo mais confiança e que isso é superavel. Que deus abençoes todas as pessoas q sente isso, porque so nos mesmo sabemos o que sentimos, mas vamo la pessoa é so ter fé e bola pra frente. abraços

    ResponderExcluir
  154. Meu Deus, que boa idéia tive hoje em procurar dicas para a ansiedade, pois estou convivendo com ela já faz tempo, tomo remédio, mais é um palitivo. Entretanto com essas dicas tenho certeza que vão me ajudar bastante, agradeco no primeiro momento a DEUS pois levou o meu pensamento a este tema, e depois não seis se é uma pessoa ou mais que fez ese valiossimo blog, sou graças ao senhor sou católica e acredito que tudo na nosa vida nçao é conicidência e sim providência.

    ResponderExcluir
  155. Queridos vem por meio dessa deixa aqui o meu testemunho sobre esse assunto tão importante em 2009 sentir um forte crise de ansiedade, passei por momento teriveis e de nuita tensão, demorei muito para descobri que o que eu estava sentidndo era uma crise de ansiedade muito forte, passei por situação que achava que estava ficnado louco, sem ajuda de nimguém vivi momento dificeis e doloridos, pensei que era o fim de tudo, mesmo sendo Pastor de uma igreja a minha vida estava um causo, foi então que rosolvi buscar ajuda em um psiquiatra, ele passou para mim um tratamento com o medicamento chamado Paxtrat e Diazepan 5mg. comeci torma percebi que os sitomas foram diminuindo então consegui superar todas aquele crise horivel que eu estava sentido, tem por fé que na oração que fazia e pedia a Deus que me ajudase ele ouviu e me fez vencer tudo isso para gloria do Seu Nome, hoje ainda sinto alguns efeitos desse problema porém a minha fé é maior, quero dizer a todos os envilvidos nesse blog que nunca pare de lutar,"lembre-se se no momento estão asimm, nós não samos assim" e isso passa. façam tratamentos nescessarios, procure mudar o pensamento aceite o problema Com realidade para ser superada e vencer isso pois Deus é Maior e quem espera nele tudo Vence.

    ResponderExcluir
  156. Muito obrigada a todos pelos comentários!! A participação de vocês é essencial!!!! Fiquem bem... procurem ajuda e sejam felizes!

    ResponderExcluir
  157. não imaginava que existe tantas pessoas que sofrem de ansiedade.como eu e tdos vcs sabem, é um problema q só nós msmo q podemos resolver, pois é como meo marido diz, isso é coisa da sua cabeça...to evitando imaginar coisas catastróficas no meu dia a dia.
    apesar q eu passo mto mal, mas dpois melhora, o difícil, é qando volta.
    mas com esses depoimentos desse blog, ja me sinto melhor

    a cura está dentro de mim, dentro de nós...

    ResponderExcluir
  158. Olá,me chamo Joyce tenho 29 anos ,há 3 anos sofro de crises de ansiedade e panico,já começei alguns tratamentos com medicações e terapias,mas bastava me sentir um pouco melhor parava com os rémedios e com a terapia ,engano pois temos que ter paciência o que se torna muito difíçil pra quem tem ansiedade.Agora mesmo estava dormindo e do nada acordei com falta de ar,e com o coração acelerado ,acordei meu esposo e pedi que me levasse ao hospital achei que estava infartando,mas tratavasse de mais uma crise então eu consegui levantar respirei fundo ,tomei um pouco de agua e vim ocupar a mente no pc pra ver se esquecia da crise,e que maravilha achei este blog e já começei com as dicas ,parabéns muito obrigado.Fico feliz em, saber que podemos encontrar ajuda.

    ResponderExcluir
  159. O transtorno de ansiedade me assombra desde que eu tinha os 9 anos, quando tive minha primeira crise. Pensei que iria morrer... Não morri.

    O tempo passou e não senti mais nada, então tive uma nova crise aos 17 anos, muito mais forte. Novamente o tempo passou e a ansiedade foi embora, mas tive uma nova crise aos 22 anos, isto é, o ano passado. E até agora a ansiedade não foi mais embora.

    É horrível porque ela é acompanhada também por depressão, e isso é que deixa ela pior ainda. Um medo inexplicável e fora as sensações fisiológicas tão comuns...

    Mas tenho fé em Deus que vencerei essa provação e poderei tocar minha vida adiante sem esse mal tão pesado que é a Ansiedade e o Panico. Peço a Deus por todos nós, vai dar tudo certo!

    ResponderExcluir
  160. oi sou lara, meu primeiro ataque de panico foi na faculdade, eu achava que ia ter um ataque cardiaco,, nao senti minhas pernas, foi terrivel, achava que aquele seria meu fim. sabe eu vivia a mim pergunta porque comigo? mas hoje vejo que não estou sosinha,assim como eu a muitos jovens passando pelo mesmo problema, ja fui para o hospital diversas veses achando que estava morrendo, é uma esperiência horrivel, não desejo a ninguem, tenho dois filhos um de quatro anos e o outro de dois mesês, amo meus filhos, e é por eles que busco forças com Deus e com os homens. sabe, foi no meu primeiro ataque de panico que eu descobrir o quanto é valioso a vida, e o quanto eu quero viver, eu agradeço a Deus pelo o dia em que nasci, pela oportunidade que eu tive em conhecer o mundo, em viver cada dia,adimiro muito aqueles que chegam a velhice, são tão belos os idosos, eles espressão na face, uma historia de uma vida longa, uma vida cheia de contos, alegres e tristes... quero poder chegar a essa idade, e ver minha face cansada no espelho, sorri e dizer a mim mesma, eu venci na vida, porque vivi... meus amigos, vivam, aproveitem cada momento fazendo o que realmente amam fazer, abracem a vida como se fosse o ultimo dia, não sintam vergonha de dizer o que sentem, ame o proximo, mesmo que ele tenha o magoado,,, fique mais ao lado daqueles que vc ama, abrace... abrace a vida.
    seja feliz,,, mesmo que a angustia dos dias maus venha atormentar! não perca a fé,confie plenamente em Deus, que Jesus Cristo tome a frente em nossas vidas e nos ensine a amar como ele amou! obrigada... vou deixa meu msn
    quem estiver interessado a falar sobre assunto: larissaveiga@hotmail.com

    ResponderExcluir
  161. Olá viva!

    Assim de relance pesquisei no Google e dei com este blog em português! Maravilha!

    Sou de Portugal,e cá, pelo menos contando comigo, também há quem tenha ataques de pânico!

    Tenho estado a passar uma fase mais intensa nesta altura. Recentemente experimentei 2 ataques de pânico que só se resolveram com medicamentos. No último virei um paraplégico, os meus músculos bloquearam e foi muito difícil manter o juízo e a respiração.....

    Agora tenho andado a tentar algumas das dicas aqui e estou esperançado que a coisa melhore! :)

    Tal como outros utilizadores comentaram, é bom saber que não se está sozinho nesta "aventura"!

    Um bem haja ao blog e sua autora e a todos os demais que estão ansiosos!
    Abraço Português!

    ResponderExcluir
  162. Também sou de Portugal Tiago! Qualquer dica que precises podes contar comigo, pois sei bem o que é isto :) Abraço

    ResponderExcluir
  163. Olá me chamo Carolina !

    Que parabenizar o autor desse blog

    Realmente ele é de muita importância tenho certeza que ele vai ajudar muita gente como eu que sofre desse mal que é a ansiedade .

    Abraços a todos

    ResponderExcluir
  164. Embora na terceira idade,minha esposa diz que tenho crise de Pânico e Ansiedade.Me identifiquei
    muito com os comentários lidos.
    As técnicas de relaxamento são sensacionais. Muito obrigado pelos esclarecimentos e que o Senhor dos Mundos proteja a todos para que superem todos os traumas e medos.

    ResponderExcluir
  165. Encontrei o Caminho das Pedras. Agora reconheço que só enfrentando essas situações, poderemos vencê-las. Acordei agora, e pedi ao Glorioso Santo Antônio que me indicasse um milagre para esse sofrimento. Obrigado pelas orientações e os oceanicos depoimentos postados.

    ResponderExcluir
  166. E COMPLICADO QUANDO NOS ENCONTRAMOS NESTA SITUAÇAO,E UM MEDO QUE NAO SABEMOS DE ONDE VEM E QUANDO ELE VAI EMBORA,MAS O MELHOR É IMAGINAR QUE PASSAMOS POR CRISES PIORES,E ESTAMOS MELHORANDO POR QUE AGORA CONSEGUIMOS PERCEBER UMA CRISE,ANTES NAO,ERA PANICO MENTAL E FISICO,MAS NAO PODEMOS DEIXAR DE SEGUIR A VIDA,SOBREVIVEMOS CONVIVENDO COM AS DORES,E APREDENDO QUE DIAS MELHORES ESTAO POR VIR.E SE APEGAR EM DEUS OU EM UMA PESSOA QUE VC CONHECA E TE AME DE VERDADE E AMELHOR CAMINHO PARA RECUPERAÇAO,NAO ESTAMOS DOENTES SOMENTE EM TRATAMENTO PARA VOLTARMOS A SER FELIZES COM TODOS AO NOSSO REDOR.SEJA FORTE O PIOR JA PASSOU ESTAMOS AUM PASSO DA CURA.TENHO 22 ANOS E ESTOU EM TRATMENTO PARA SORRIR DE VERDADE,E CHORAR SOMENTE QUANDOP SOMENTE FOR NECESSARIO.


    VC NAO ESTA SOZINHO......NUNCA

    ResponderExcluir
  167. "Sorrir de verdade, e chorar somente quando for necessário." Isso faz total sentido, quero isso tb!!!
    Obrigada pelos comentários, é isso mesmo, não estamos sozinhos nunca!!! Mas a nossa melhor companhia, que na minha opinião deve ser nós mesmos, precisa estar bem cuidada. Por isso, não desista de se cuidar, de se tratar, em primeiro lugar devemos prezar o nosso bem estar, a nossa saúde. :)

    ResponderExcluir
  168. parabens pelo bloggr foi a gora no google que encontrei li quase todos depoimentos e então não me vejo sozina faço tratamento de depressão transtorno de panico com psiquiatra ,nao ligo pra certos preconceitos que psq trata de louco. voce toma tarja preta...eu faço tudo pra mim ficar curada .e sair dessa prisão. mais graças a deus quem me viu e quem me ve agora ,falta vencer algumas limitaçoes, mais to chegando la .saude pra voces . abraço

    ResponderExcluir
  169. Ola, passei por muitos momentos de ansiedade,medode tragedias a ponto de meu coraçao acelerar parecendo que ia sair do peito e constantes insonias melhorei muito depois que conhecir a filosofia SEICHONOIE nao é religiao mais o ensinamento tem muito autoajuda é extremamente positivo entre no site.li um livro maravilhoso que é "livro dos jovens" desta mesma filosofia. mudei mt meu modo de pensar e agir, quero dividir esta felicidade com voces

    ResponderExcluir
  170. Ola, alguem profissional me ajude eu to com um processo de ansiedade fortissimo:sou casado ha 6 anos nao tenho relaçoes sexuais fora do casamento mais esse problema começou quando namorava com minha esposa e me persegue ate hoje na hora da relaçao sexual me dar um calafrio e os batimentos cardiacos aumentam muito a ponto de eu ou broxar ou no momento de ereçao ejacular precocemente, alguem que já passou por isso ajude-me, pois to sofrendo. Obrigado.E-mail aldo_bispo@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  171. Ola, me chamo wagner tenho 41a, e desde adolescente tenho problemas de ansieade, antes minha mãe achava que era problema espiritual, depois por mim mesmo busquei ajuda na sta casa do rj na parte psiquiatra, percebi ali que realmente tinha um problema emocional onde comecei um tratamento que durou 1a e me alivou muito mais por ser muito jovem acabei interrompendo o tratamento. hj me encontro com os mesmos sintomas e mais acentuados, estou por exemplo agora no meu trabalho e sentindo uma vontade e norme de abandonar tdo e ir em bora como se o ambiente aqui estivesse me fazendo mau, estou ficando desesperando com esses sintomas e n sei mais oq fazer, estou tomando apenas rivotril que me acalma um pouco, mais to com sensações estranhas com se outra pessoa estivesse em mim, sensação de raiva, desespero, vontade de chorar compulsivamente.. uma ves tive uma crise de chora em kza sozinho e acompanhou com febre.. amigos oq deve ser isso afinal de contas.. tenho pensamentos ruins todos os dias..acho q vou ter um avc.. pois sinto dor de cabeça, tonteira, meu batimento acelera.. em fim alguem pode me orientar. sei que devo procurar um especialista so que estou com medo de me entupir de remedio e quando parar voltar tdo de novo.. ha esse sintomas tbm se dar por problemas que estou passando pessoalmente.. obrigado aguardo orientação !!!

    ResponderExcluir
  172. Wagner, os sintomas que todos nós sentimos são muito parecidos. Uns sentem mais dor de cabeça que outros (eu, por exemplo, sinto bastante como vc), tonteira, a taquicardia então é a mais comum entre a gente! A minha opinião é que não devemos tentar nos medicar por conta própria. Temos um problema que deve ser cuidado por um especialista (s), no caso um psiquiatra e um psicólogo quando indicado por ele. Se eu fosse você retomava o tratamento sim, tenho certeza que vai te fazer bem. Dê notícias!

    ResponderExcluir
  173. Aldo, boa noite,
    Não sou médica, nem psicóloga, apenas uma portadora de síndrome do pânico que criou um blog para tentar ajudar seus "companheiros de transtorno". Mas te aconselharia a procurar uma ajuda especializada, de um psiquiatra. Tenho certeza de que vai te ajudar, de repente ele te encaminha pra um psicólogo e vc entende o motivo disso acontecer com vc.
    Espero que tenha te ajudado e que vc consiga superar isso tudo.
    Com a ajuda da sua esposa então, tenho certeza de que vai dar tudo certo.
    Abs, volte sempre.

    ResponderExcluir
  174. As pessoas que não tem ansiedade acha que é frescura,falta do que fazer e viadagem como disseram nos post!
    Eu tinha uma vida normal! Trabalhava,saia nos fins de semana com meus amigos,tava sempre tocando em algum lugar,minha banda sempre tinha shows pelo menos 3 vezes no mês!
    Agora não estou trabalhando, saindo e nem tocando mais!
    ja estou a 8 meses assim!
    Mais agora estou me sentindo melhor e as crises que tinha não são mais como antes.
    No começo eu tinha de duas a tres crises por dia, era horrivél,parecia que ia morrer, infartar sei lá!
    agora estou mais por dentro do assunto e estou sabendo lidar com isso!
    não me tratei com psicologo algum ainda!
    mais quero me livrar disso e vou começar um tratamento pra acabar com isso de vez!

    Quero minha vida devolta!
    O mais importante é começar a ter auto controle com sigo mesmo e botar na nossa cabeça que isso e coisas que nossa cabeça simula!
    Assim me sinto bem melhor e a cada dia procuro dentro demim o motivo que causou isso!
    Isso é importante!

    Blog de parabéns.

    A todos melçhoras e fem em deus!

    TUDO NA VIDA E PASSAGEIRO.

    PENSE NISSO!

    ASS:ALEX SANDRO

    MSN: K-ALWIN@HOTMAIL.COM
    SE QUISEREM CONVERSAR SOBRE O ASSUNTO E SÓ ME ADD!

    ABRAÇOS A TODOS!

    ResponderExcluir
  175. parabéns pelo blog!!!

    olá, tive a sindrome do panico em 2004 e interrompi o tratamento em 2006 pois estava gravida e naum poderia continuar a fazer o tratamento farmacologico!bom cheguei no meu serviço hoje era
    7:30 com pequena falta de ar,e dessa falta de ar veio a crise e imediatamente corri p banheiro e abri a torneira e joguei agua no rosto,e na nuca respirando fundo!melhorei um pouco a falta de ar e fui caminhando p minha sala...qndo cheguei no corredor a uns 20 mtros da minha sala tive q voltar p banheiro passando mal de novo,sempre sinto um desconforto mas desde 2007 naum tinha tido mais essas crises fortes assim...mas enfim cheguei na minha sala e entrei na internet a procura de:TECNICAS PARA ALIVIAR CRISE DE SINDROME DO PANICO...e encontrei seu blog q parabenizo mais uma vez que hj me foi mto util e tenho certesa q sera p milhares de pessoas...Que DEUS te ilumine para q vc possa continuar sendo essa pessoa maravilhosa q és...pq hj tive a certesa q naum estou sozinha nesta luta e/ou seja n é somente eu q tenho essas crises de panico...para os outros melhoras e confie nas tecnicas desse blogueiro e acima de tdo em DEUS...Q DEUS VOS ABENÇOE...abraços...te++_+e mto obrigadah!!!:)

    ResponderExcluir
  176. Angélica, obrigada!! Que bom que pude te ajudar!!!!
    Cuide-se e venha sempre conversar com a gente!!!

    ResponderExcluir
  177. Elane // de Salvador ba16 de setembro de 2011 21:57

    Nossa é muito ruim ouvir do noivo vc é problemática, só pensa coisas ruins e negativas; e não ter forças para mudar quer mas não ter forças.
    Apartir das dicas deste site sinto me com animo, força e desejo de mudanças tanta gento conseguiu e pq eu não conseguiria? vou me esforçar e com suas dicas vou mudar. Muito obrigada bjs!
    Com à ajuda de vcs e em primeiro lugar de DEUS vou conseguir

    ResponderExcluir
  178. Elane, é claro que você vai conseguir! Tente explicar pro seu noivo o que vc sente, ele precisa entender que trata-se de uma doença, vc não é "problemática". Mas sim, está com um problema que precisa ser tratado com seriedade e respeito. Volte sempre!

    ResponderExcluir
  179. LEIA SOZINHO porque no passado eu também não acreditava que ia dar certo, mas… funciona mesmo!!! Entrei neste site e fiz esta prece. Fiz para ver se ia dar certo e deu, assim que acabei meu amor ligou. A pessoa que eu copiei também não acreditava mas para ela também funcionou! AGORA VEREMOS…

    Diga para você mesmo o nome do único rapaz ou moça com quem você gostaria de estar (três vezes)…

    Pense em algo que queira realizar na próxima semana e repita para você mesmo (seis vezes).

    Se você tem um desejo, repita-o para você mesmo (Venha cá ANJO DE LUZ eu te INVOCO para que Desenterre w de onde estiver ou com quem estiver e faça ela ME telefonar ainda hoje, Apaixonada e Arrependida, desenterre tudo que esta impedindo que m venha para MIM , afaste todas aquelas que tem contribuído para o nosso afastamento e que ela m não pense mais nas outras… mas somente em MIM. Que ela ME telefone e ME AME. Agradeço por este seu misterioso poder que sempre dá certo. Amém…).

    Publique esta simpatia por três vezes , basta copiar e colar por três vezes em in forum diferente esta simpatia abaixo e logo em 48hs você terá uma linda surpresa, beijos Ainda esta noite de madrugada o TEU amor dará conta de que TE ama, algo assim acontecerá entre 1 e 4 horas da manhã esteja preparada para o maior choque de sua vida! Se romper esta corrente terá má sorte no amor. Deus vai lhe abençoárá e sua vida não será mais a mesma

    ResponderExcluir
  180. Pois o problema dos empregos... tem sido o meu calvário nos ultimos 8 anos...sinto-me tão frustrada... infelizmente não estou só...

    ResponderExcluir
  181. vivam.
    O meu nome é Paulo, sou potuga não obstante gosto da vossa postura e atitude como povo: falam abertamente, são directos, sem rodeios e sem palavras complicadas que ninguem entende :) . como se nota nestes comentários. Tbm sou bastante ansioso (ansiedade fóbica). obrigado ao bloger pelas dicas, mas quando as crises se traduzem tbm em arritmias, perda de força, falta de ar, enfim... o mau estar fisico sobrepoe-se ao emocional é complicado! Só mesmo com ansioliticos bem fortes. De qualquer forma é sempre bom saber que não somos os unicos. Se eu descobrir algum truque para aleviar essas crises terriveis, dou a dica tbm.

    Bem hajam

    ResponderExcluir
  182. Boa noite pessoal!
    Tive minha primeira crise de pânico aos 18 anos (hoje tenho 27). Foram os piores seis meses da minha vida. Estava no meu primeiro ano de faculdade e não conseguia ficar na sala de aula, pois sentia falta de ar, palpitações, dormências nos membros, dores de cabeça, tontura, ânsia, enfim... tudo de ruim.
    Demorei para ir ao médico e quando resolvi procurar um, optei por um homeopata. A homeopatia demora muito mais para fazer efeitos (na verdade nem sei se ela me ajudou), mas alguns meses depois resolvi largar tudo e que iria ficar bem. Foi DIFICLÍMO! Sempre tive um pé atrás com psicólogos (já consegui superar iss); foi então que procurei um amigo meu que estava se formando e pedi algo para ler. Falei para ele que queria algo que eu pudesse entender o meu problema e eu mesma tentar resolver.
    A técnica da exposição foi uma das que usei. Sei que nem me lembro quando as crises foram embora.
    Contudo, sempre continuei ansiosa (não uma ansiedade fóbica, que só me visita de vez em quando), tendo as crises sempre que algo está para mudar na minha vida. Não sei lidar com expectativas, são o meu mal. Comecei a fazer terapia, mas parei.
    Há uma semana venho me sentindo mal novamente, tento usar as técnicas aprendidas com a minha ex psicóloga e até que ajudam um pouco, mas já marquei meu retorno.
    Espero realmente me curar e hoje já tenho a consciência de que é um tratamento prolongado, mas que pode nos dar qualidade de vida!

    ResponderExcluir
  183. Olha, parabéns pelo blog. Muito bom mesmo!!!

    ResponderExcluir
  184. nossa tambem estou sofrendo com tudo isso , as vezes tenho vontade de sumir sei lá dormir pra sempre . è muito dificil só quem já passou sabe oque é viver com isso as vezes penso q não vai passar nunca .. a um tempo atras era bem pior as crises e eu nem sabia do que se tratava agora conhecendo um pouco mais tenho conseguido diminuir um pouco os sintomas me controlando . mas sempre fico sonhando em voltar a antes e nunca ter passado por isso . Deus nos ajude e aumentem nossa fé ....

    ResponderExcluir
  185. olá..sou muuuiito ansiosa, sofro muito com isso,penso em muitas coisa ruins,tenho medo sempre de tudo, tudo que vejo de ruim penso que vai acontecer comigo e penso tbm que sempre estou doente ou que tenho alguma doença grave..fiz varios exames e graças a Deus num tenho nada . estou sempre de mau humor e sem disposição pra nada .pura ansiedade..nunca procurei um medico pra me tratar,gostaria muito de superar isso. vou seguir as dicas do blog que por sinal esta otimo..obrigado pela força..fiquem todos com Deus.

    ResponderExcluir
  186. Olá Pessoal, antes eu ia parar no hospital...com crises de ansiedade..sensação de morte horrivel..parecia que ia ter um ataque cardiaco..fx ELetro..e graças a Deus não dava nada..
    Bom, um certo dia..apos chegada do hospital...virei a net de ponta cabeça..decidi que não teria mais essas crises, horriveis..cheguei a esse blog..e adorei..confesso que me senti mais leve e tranquila..
    Deixarei aqui Dicas maravilhosas: espero que seja de grande valia, para com que tem essa doença.
    1- anote em um papel tudo oque te fz feliz e alegre
    2 anote em um papel tudo oque te deixa triste e amargurada
    3 leia todos os posts das pessoas em varios blogs que tem esse male..(isso ajuda a vc perceber que não é a unica)
    4-leia o livro Linguagem do Corpo..Cristina Cairo (me ajudou muito, entenda seu corpo)
    5- quando começar a se sentir, tremores, respiração fraca ou acelarada...aqueles sintomas...tome aquela ducha..coloque uma musica que vc adora e som alto..cante se distraia..eu chegava a ficar sentada no banheiro debaixo da ducha..
    em 5 minutos eu ja não sentia mais nada..

    Agora vem a conclusão..
    Com as coisas que vc mais gosta..começa a realizar com mais intensidade..e as coisa que te fz mal..vai eliminando com intensidade..
    EX: sair com amigas...saia mais doq o costume..
    Brigas no emprego..antes de brigar..vire as costa..ignore..leia o livro.

    Eu acostuma ter crises de 2x por semana..horriveis...tinha que tomar diazepan direto..
    Então começei com essa terapia caseira e tomava maracugina, e ritmoneuram (fitoterapico)
    Foram a minha salvação..

    Espero ter ajudado...e Parabens pelo blog

    ResponderExcluir
  187. ola,adorei tudo...já faz muito tempo (33 anos)que tenho crises..elas aparecem de tempo em tempo.No começo faziam parte do meu dia adia.Fiz vários tratamentos,mas nada.somente quando procurei ajuda espiritual,que melhorei.ñ sarei pois sempre vinha crises.Acho que elas voltam depois que passo por problemas forte...agora estava procurando ajuda pois estou passando pelo problema,e encontrei você.obrigada...um grande abraço.

    ResponderExcluir
  188. Vcs não sabem o quanto a ansiedade tem me atormentado...são muitas idas e vindas aos hospitais e sempre ouço a mesma coisa, ansiedade!! Todos os meus exames estão normais e eu o meu subconsciente insiste em dizer que eu tenho algo ou que devo ter medo do que posso aparecer no meu corpo...sei la..eu muito ruim!! Estou estudando pra OAB e isso tem me atrapalhado muito, inclusive tenho medo de me atrapalhar no dia da prova! Sinto enjoos constantes, falta de ar, bolo na garganta, mãos suando, às vezes palpitação, medo de ter alergias...ou seja, medo de coisas que nunca tive! e que nem tenho porque ter!! Então, o meu pensamento agora vai ser esse!! NÃO TENHO PORQUE TER MEDO!!! TENHO Q PENSAR ASSIM! quero me ver livre desse mal estar...desse encosto chamado ansiedade...não quero tomar medicamento, quero melhorar por consciência de que devo pensar positivo!! vou fazer o que li aqui no blog, anotar pra ler todos os dias o que me faz bem, o que me irrita e sem esquecer de reservar um momento pra meditar, pra relaxar!! ouvir musica antes de dormir e tentar controlar a ansiedade...eh muito ruim compartilhar isso com os familiares porque vc se sente chata e louca! quando na verdade não passa de puro Stress!! Obrigada pelo apoio de vocês e tenham certeza de que vou me segurar e lutar contra a ansiedade generalizada!!

    ResponderExcluir
  189. Vcs não sabem o quanto a ansiedade tem me atormentado...são muitas idas e vindas aos hospitais e sempre ouço a mesma coisa, ansiedade!! Todos os meus exames estão normais e eu o meu subconsciente insiste em dizer que eu tenho algo ou que devo ter medo do que posso aparecer no meu corpo...sei la..eu muito ruim!! Estou estudando pra OAB e isso tem me atrapalhado muito, inclusive tenho medo de me atrapalhar no dia da prova! Sinto enjoos constantes, falta de ar, bolo na garganta, mãos suando, às vezes palpitação, medo de ter alergias...ou seja, medo de coisas que nunca tive! e que nem tenho porque ter!! Então, o meu pensamento agora vai ser esse!! NÃO TENHO PORQUE TER MEDO!!! TENHO Q PENSAR ASSIM! quero me ver livre desse mal estar...desse encosto chamado ansiedade...não quero tomar medicamento, quero melhorar por consciência de que devo pensar positivo!! vou fazer o que li aqui no blog, anotar pra ler todos os dias o que me faz bem, o que me irrita e sem esquecer de reservar um momento pra meditar, pra relaxar!! ouvir musica antes de dormir e tentar controlar a ansiedade...eh muito ruim compartilhar isso com os familiares porque vc se sente chata e louca! quando na verdade não passa de puro Stress!! Obrigada pelo apoio de vocês e tenham certeza de que vou me segurar e lutar contra a ansiedade generalizada!!

    ResponderExcluir
  190. queria poder ajudar a todos , porque sei do como e dificil lidar com panico.

    ResponderExcluir
  191. oI PESSOAL, ESTOU AKI FAZENDO UM PEDIDO DE SOCORRO VIVO DIARIAMENTE COM ESA DOENÇA ,NÃO SEI O Q FAZER TOMO VÁRIOS MEDICAMENTOS ALÉM DO MEDO DA MORTE VIVO KDA DIA COMO SE FOSSE O ULTIMO, KDA CRISE Q TENHO MEUS FILHOS SOFREM JUNTO COMIGO E ISSO É O Q MAIS ME DÓI,MEU MARIDO JÁ NÃO TEM PACIENCIA COMIGO E MINHA FAMILIA P ELES É COMO SE FOSSE UMA MANHÃ, MAIS SOMENTE DEUS SABE O QUANTO LUTO COM ISSO COMO DISSE NUM ARTIGO Q ESCREVI NO FACEBOOK,,,NUM DESEJO ISSO PRO PIOR INIMIGO E GOSTARIA Q AS PESSOAS COMPREENDESSE O SOFRIMENTO E A DOR DE SOFRER DESSE MAU, NO COMEÇO EU SÓ VIVIA DOPADA D MEDICAMENTOS AGORA ESTOU CONTROLANDO UM POUCO MAIS O MEDO É CONSTANTE.....ME AJUDEM

    ResponderExcluir
  192. Lena, sei como te sentes. Passei anos assim, desde os meus 21. Mas tens de te mentalizar que é tudo psicológico, apesar de sentirmos coisas físicas, é tudo derivado da nossa mente. Não tenhas medo, tenta fazer exercícios de relaxamento e anti-stress. A mim ajudou bastante. Isso aliado a muita força de vontade, medicação e exercício vai-te ajudar muito acredita. Eu ainda não estou a 100%, mas estou melhor e sinto que um dia vou superar tudo isto. Força :)

    ResponderExcluir
  193. Olá....quando vi este blog no domingo passado achei o máximo!Expressar nos ajuda muito a pelo menos tentarmos melhorar....graças à Deus a minha ansiedade não chega aos níveis mais altos....só sinto muita impaciência,cansaçoe medo de andar de carro como carona.Se eu estiver dirigindo não tem problema nenhum....mas,na verdade,o que mais me deixa assim é a relação do meu marido com meus filhos...homem,quase todos,não sabem lidar muito bem psicologicamente com os filhos e o que agrava é que ele também é muito ansioso...isso é que me leva à ansiedade ....estava tomando meio comprimido de cloridrato de sertralina e vi que não tinha mais condições de usar meio.Passei a tomar um inteiro de 50mg.Não queria isto,mas não teve jeito....estava ficando muito impaciente e resolvi mudar......é bom demais a gente se sentir bem!! Preciso dar um jeito nesta relação de pais e filhos para tudo mudar,senão,nem eu nem meus filhos poderemos acabar com a ansiedade....um deles é muito ansioso devido a este problema..Se Deus quiser tudo vai melhorar e eu vou convencer meu marido a fazer um tratamento para curar sua ansiedade.Tenhamos todos nós muita Fé para que possamos viver felizes,sadios e com muita paz.Isto é o que realmente importa na vida.Abraços e felicidades à todos.

    ResponderExcluir
  194. Sofro muito com ansiedade, inclusive acabei de ter uma crise (estou chorando) pq é algo que luto mto, tento me manter calma, começo a cantar, me esforço ao máximo, as vezes até consigo, outras vezes não. Estou com 31 anos e sofro com isso desde os 13, estranho pq é algo q desaparece e de repente surge do nada, tenho crises terríveis de parar em hospitais, primeiro vem o aceleramento do coração, depois as tremedeiras em seguida dores de barriga, no peito, dificuldade de respirar, pensamento negativo de q algo mto ruim irá acontecer.. e acabo entrando em panico. Recentemente fui ao médico (gastroclinico, devido o mal estar do estomago e dejarranjo intestinal provocado pela ansiedade) e ele me indicou algo fitoterapico e um psiquiatra para me tratar. Tenho fé em Deus q irá passar e logo.. logo.. vontarei a ser aquela menina alegre e cheia de vida.Não desistam e lutem!Sei o qto não é fácil, mas tbm não é impossível. Torço por todos vcs. Abs.

    ResponderExcluir
  195. EU REALMENTE NÃO SEI MAIS OQUE POSSO FAZER PARA MELHORAR ISSO É TERRIVEL E ANGUSTIANTE . LOGO EU QUE SEMPRE AJUDO MUITAS PESSOAS TENHO Q SOFRER DESSA MANEIRA DEUS MUDA MEU CATIVEIRO POR FAVOR !!!!!!!111APESAR DE TUDO NÃO DESISTO DE ORAR POIS SEI Q SEM DEUS TUDO SERIA MUITO PIOR VEJO ESSES COMENTARIOS E VEJO Q NÃO SOU A UNICA A SOFRER ASSIM SEMPRE ORO NESSE SENTIDO PARA Q DEUS POSSA AJUDAR A TODOS ....

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar seu comentário no Sem Transtorno! Não deixe de curtir a nossa página no facebook.com/semtranstorno.